A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

18/04/2015 17:36

Proprietário de sítio é autuado em R$ 55 mil por degradação de nascente

Filipe Prado

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Mundo Novo autuou na tarde de ontem (17) um proprietário de um sítio em R$ 55 mil, no município de Japorã, cidade a 487 quilômetros de Campo Grande, por degradação de nascentes e matas ciliares.

Veja Mais
Polícia desarticula “família do tráfico” que mandava droga para Goiás
Sem salário e 13º, enfermeiros de hospital particular iniciam greve dia 12

Conforme a assessoria de imprensa da PMA, o infrator havia desmatado a área de nascentes e mata ciliares de um curso d'água, afluente do córrego Douradão que é uma APP (Área de Preservação Permanente), protegida por lei e plantado pastagem, criando gado no local.

A área estava degradada por conta da dessedentação e forrageamento do rebanho, começando processos erosivos, devido a retirada da vegetação, que poderiam virar voçorocas com o uso, podendo haver destruição total das fontes de água.

O acusado foi autuado administrativamente e multado em R$ 55 mil. Ele poderá responder por crime ambiental, com pena de detenção de um a três anos.

As atividades foram interditadas e o proprietário rural foi notificado a retirar o gado e cercar as áreas de nascentes e matas ciliares, bem como a corrigir os processos de degradação.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions