A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

17/03/2012 07:21

Proprietário rural é multado em R$ 50 mil por erosões no Rio Verde

Paula Vitorino
Erosão às margens do Rio Verde. (Foto: PMA)Erosão às margens do Rio Verde. (Foto: PMA)

Policiais militares ambientais autuaram em R$ 50 mil o proprietário da fazenda Sabatache, em Ribas do Rio Pardo. O responsável já havia sido notificado, mas a PMA encontrou novamente dois processos erosivos em estágio avançado, próximos ao Rio Verde.

Veja Mais
No primeiro mês de piracema, PMA registra aumento de 100% nas apreensões
Segunda-feira de tempo claro e com possibilidades de chuvas à tarde, em MS

As erosões estavam causando degradação da Área de Preservação Permanente – APP e contribuindo para o assoreamento do curso d’água.

Os policiais avaliam que os processos erosivos teriam surgido por falta de conservação do solo, que é obrigatória pela legislação nas intervenções feitas para a produção em propriedades rurais.

A PMA constatou “total desprezo com a conservação do solo nas áreas afetadas” e determinou a interdição do local para que seja feita a proteção e recuperação da área, com proibição de atividades agrícolas e pecuárias.

O proprietário também foi notificado a apresentar projeto de recuperação de área degradada junto aos órgãos ambientais, no prazo máximo de 30 dias.

A PMA lembra aos produtores rurais que a recuperação de áreas degradadas pode ser iniciada voluntariamente, desde que acompanhada por responsável técnico e comunicada ao órgão de meio ambiente. Isto evita multa e mais transtornos.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions