A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

23/03/2011 08:48

Diário Oficial traz decreto de emergência no Pantanal, válido só para Corumbá

Marta Ferreira

O Diário Oficial do Estado de hoje traz o decreto que declara situação de emergência na região pantaneira no município de Corumbá, reivindicação que havia sido feita pelos pecuaristas da região, em razão da cheia maior que o esperado neste ano.

Embora relatório da Embrapa tenha apontado que a cheia está afetando 6 municípios da região pantaneira, o decreto vale apenas para Corumbá, durante 90 dias.

As outras regiões do Estado afetadas pela chuva já estão inseridas em decreto anterior, publicado pelo Governo Estado decretando situação de emergência onde houve prejuízos.

O relatório da Embrapa afirma que a cheia está afetando também Aquidauana, Miranda, Porto Murtinho, Rio Verde de Mato Groso e Coxim. Em Aquidauana, o Sindicato Rural registra mortandande de bois que estão em áreas alagadas.

Tudo cheio-O texto do decreto de situação de emergência publicado hoje relativo ao Pantanal de Corumbá afirma que, em consequência das chuvas, ocorreu o aumento gradual do nível das águas dos Rios Paraguai, Miranda, Aquidauana, Taquari, Abobral e Nabileque,” provocando o transbordamento de suas águas, afetando moradores e a atividade pecuária”.

A inundação, afirma o decreto, diminuiu as áreas de pastagens provocando mortes e perda de peso do rebanho bovino, obrigando a retirada dos bovinos para áreas secas, o que não foi feito a tempo em muitas fazendas.

A Embrapa estima em R$ 190 milhões os prejuízos que os pecuaristas vão ter com a cheia, por causa da perda de animais, que estão morrendo afogados, da perda de peso, da perda de bezerros que nascerão fracos e da queda de natalidade.

Com a decretação da situação de emergência,os pecuaristas da região esperam que seja facilitadas a renegociação dos financiamentos contraídos por eles e a oferta de algum tipo de auxílio para salvar os animais que estão em regiões alagadas.

Bois tentam se salvar em área alagada no Pantanal. (Foto: Silvio Andrade/ Sindicato Rural de Corumbá)Bois tentam se salvar em área alagada no Pantanal. (Foto: Silvio Andrade/ Sindicato Rural de Corumbá)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions