A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Janeiro de 2017

11/01/2017 08:09

Queimadas avançam e atingem mais de 3 km da planície pantaneira

Bombeiros estão no local ajudando no combate às chamas

Elci Holsback
Chamas tiveram início na Bolívia e avançaram para a região pantaneira (Foto: Divulgação/Bombeiros)Chamas tiveram início na Bolívia e avançaram para a região pantaneira (Foto: Divulgação/Bombeiros)

As queimadas estão se alastrando por Corumbá - distante 419 km de Campo Grande. Na manhã desta quarta-feira (11), uma equipe com 10 militares do Corpo de Bombeiros seguiu de barco até a região do canal do Tamengo, onde um intenso incêndio atinge a vegetação local desde a última segunda-feira (9).

Segundo informações dos Bombeiros, as chamas tiveram início na Bolívia e atualmente atingem mais de 3km de extensão na região pantaneira.

"Ontem à tarde os Bombeiros, com apoio da Marinha do Brasil sobrevoaram por 30 minutos a área da planície em chamas, onde foi possível avaliar a dimensão da área atingida pelo fogo. Como estamos em época de seca do rio Paraguai, essa área que antes ficava alagada, com a seca produziu material combustível com a própria vegetação e que tornou que essa queima lenta e gradativa tomasse grandes proporções", explicou o cabo André Marti.

Ainda segundo o militar, o fenômeno é atípico, pois, janeiro é período de chuvas na região. "As chamas mais distantes estão próximas ao Rio Paraguai e devem se extinguir naturalmente. "O que preocupa mais é o fogo na região do Tamengo, pois, ainda há grande quantidade de vegetação e o fogo está produzindo grande coluna de fumaça", avalia.

Cerca de 3 km de vegetação são atingidos pelas chamas (Foto: Divulgação/Bombeiros)Cerca de 3 km de vegetação são atingidos pelas chamas (Foto: Divulgação/Bombeiros)

A equipe foi até a região de barco, mas devido a complexidade do trajeto, alguns trechos devem ser feitos a pé. De acordo com informações do site Diário Corumbaense, choveu na tarde desta terça-feira (10) na região, mas em pouca quantidade, o que não ajudou a amenizar o problema do incêndio florestal na região.

Ranking das queimadas - Com 58 focos registrados entre os dias 1° e 8 de janeiro, Corumbá é o município brasileiro com maior número de incêndios florestais no Brasil, segundo estatísticas do monitoramento feito pela Divisão de Satélites e Sistemas Ambientais do CPTEC (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos) vinculada ao INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais).

O maior volume registrado para o período foi de 15 focos, nos últimos cinco anos. No mesmo período do ano passado, foram registrados sete focos e em 2014 e 2015 foram cinco episódios de queimadas.

Homem é preso ao ser flagrado transportando 191 quilos de maconha
Hellington Sant Ana Mota, de 33 anos foi preso acusado de tráfico de drogas por transportar 191 quilos de maconha no porta-malas de um carro. O flagr...
Quadrilha é presa acusada de roubo a joalheria; funcionária é suspeita
Uma quadrilha formada por 10 pessoas foi desarticulada pela Polícia Civil de Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, após investigações de roubo a ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions