A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

24/04/2015 11:01

Receita Federal deflagra Operação para fiscalizar fronteiras por 90 dias

Priscilla Peres

Durante 90 dias, a partir de hoje, a Receita Federal vai deslocar servidores para reforçar a fiscalização na fronteira brasileira. A Operação Escudo vai atuar em todos os municípios fronteiríços de Mato Grosso do Sul, com o intuito de combater contrabando, descaminho e outros crimes.

Veja Mais
Desmoronamento afeta único acesso pavimentado a município de MS
Caminhão carregado com mais de 12 toneladas de agrotóxico é apreendido na BR-163

De acordo com o delegado Flávio de Barros Cunha, da Receita Federal em Mato Grosso do Sul, a previsão é de que sejam 90 dias de ação ininterrupta. Para isso, a operação vai contar com média de 24 servidores por período, três cães farejadores e um helicóptero que vai percorrer a fronteira.

Para atender todos os municípios, haverá pontos fixos de fiscalização e controle volante. Em cidades como Corumbá, onde existe um comércio grande, a operação vai operar com maior controle. Já em Porto Murtinho, onde praticamente não há comércio, a ação será volante. "Não é por isso que vamos deixar de ir a esses locais. Vamos a todos e também atenderemos as denúncias", explica o delegado.

A Operação Escudo está inserida dentro da Operação Fronteira Blindada, que é uma ação permanente da Receita Federal de combate ao contrabando, descaminho e pirataria. Esta, por sua vez, faz parte do Plano Estratégico de Fronteiras do Governo Federal.




Se o Brasil funcionasse na mesma pegada que funciona a Receita Federal, o Brasil seria a maior potência mundial.

 
Cyro Escobar Ribeiro Neto em 24/04/2015 13:17:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions