A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

25/05/2015 09:59

Representantes de 20 países vêm a MS conhecer monitoramento da fronteira

Priscilla Peres e Hélio de Freitas
Brigada de Dourados receberá militares hoje. (Foto: Divulgação/Exército)Brigada de Dourados receberá militares hoje. (Foto: Divulgação/Exército)

A Brigada Guaicurus em Dourados - distante 233 km da Capital, recebe hoje mais de 20 Adidos militares das Nações Amigas, que irão conhecer o Sisfron (Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras). O objetivo é que o cuidado com a fronteira feito aqui sirva de exemplo para outros países.

Veja Mais
Criado para vigiar a fronteira, Sisfron pode ser usado em monitoramento urbano
Secretaria de Segurança e Exército discutem operacionalização do Sisfron

No lançamento do Sisfron no ano passado, foi dito que o projeto piloto implantado em Dourados poderia ser adotado por países que precisam monitorar a região de fronteira, assim como o Brasil.

Hoje, os Adidos Militares vão participar de uma formatura e depois uma palestra sobre o Sisfron com exposição de materiais. Além deles uma comitiva com 15 militares de Brasília e engenheiros também vêm ao município para conhecer o sistema.

O Sisfron está orçado em R$ 12 bilhões e só estará completamente pronto em 2021. O projeto prevê veículos de combate com modernos equipamentos de comunicação, helicópteros e sistemas de transmissão de dados. O Sisfron vai permitir inclusive que imagens e sons captados por equipamentos instalados na roupa dos soldados durante uma abordagem sejam transmitidos em tempo real, como se fosse uma teleconferência.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions