A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

01/03/2015 11:15

Rompimento de cabo deixa cidades 6 horas sem luz e prejudica comércio

Priscilla Peres
Das 11h às 17h, moradores ficaram sem energia elétrica. (Foto: Acácio Gomes/Nova News)Das 11h às 17h, moradores ficaram sem energia elétrica. (Foto: Acácio Gomes/Nova News)

Nova Andradina, Batayporã e Taquarussu passaram o dia de sábado (28) sem energia elétrica. O rompimento de cabos de energia na região de São Paulo, divisa com MS, deixou os moradores sem energia elétrica das 11h às 17h. Nesse período, lojistas tiveram que fechar as portas.

Veja Mais
Europeus querem boicote à soja por genocídio indígena, diz deputado
Corpo encontrado em rio é de trabalhador que desapareceu no domingo

Segundo informações no Nova News, os cabos que se romperam estão localizados entre a Usina Hidrelétrica Engenheiro Sérgio Motta, na região de Primavera, em Rosana (SP), e o Vale do Ivinhema. Várias equipes teriam sido mobilizadas para localizar e solucionar o problema com rapidez.

Porém, o apagão provocou transtornos a população e ao comércio. Supermercados, por exemplo, tiveram que fechar as portas e deixar de atender seus clientes, já que as mercadorias não poderiam ser passadas pelo caixa.

Segundo o proprietário de uma sorveteria localizada em Batayporã, além do estabelecimento permanecer fechado durante 6h, alguns produtos foram perdidos, pois precisam ser mantidos em refrigeração.

A falta de energia também afetou o sinal de telefonia celular na região e o abastecimento de água em residências localizadas nas áreas mais altas das cidades atingidas, pois as bombas são movidas a eletricidade.

Postos de combustíveis que não possuem geradores para movimentar as bombas também foram prejudicados. Hospitais localizados na região afetada tiveram que recorrer aos geradores para manter as áreas principais em funcionamento, sem comprometer o atendimento aos pacientes internados.

Por volta das 18h, em contato com a central de atendimento da Enersul/Energisa, o Nova News recebeu a confirmação de que a falta de luz realmente ocorreu devido a um rompimento na linha de transmissão, porém não obteve detalhes sobre o que teria provocado o problema. O representante da empresa disse que 80% da área afetada já estava com fornecimento normalizado.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions