A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

23/02/2012 09:24

Sem testemunhas, investigação sobre atentado contra prefeito está em sigilo

Wendell Reis

Polícia ainda não analisou imagens de câmeras de segurança de vizinhos

Montagem mostra as marcas de tiro na casa do prefeito(Foto: Divulgação)Montagem mostra as marcas de tiro na casa do prefeito(Foto: Divulgação)

A Polícia Civil de Paranaíba colocou em sigilo as investigações sobre a autoria dos disparos contra a casa do prefeito, José Garcia de Freitas, ocorrido na noite de sábado (18). O delegado Eduardo Oliveira Mendes revela que instaurou um inquérito para investigar o caso, mas diz que não há testemunhas para o crime.

O delegado afirma que a perícia realizou todos os trabalhos, mas ainda não analisou as câmeras de segurança instaladas nas residências vizinhas. Mendes avalia que um dos caminhos para a investigação é de que o crime seja político, tendo em vista que o País está em ano de troca de prefeitos.

Porém, o delegado não descarta que possa ser algum problema particular.

Mendes analisa que não é possível dizer em quanto tempo as investigações serão concluídas, já que podem ocorrer fatos novos. Porém, garante que o Município está tranquilo, apesar da repercussão com o fato.

Segundo a polícia, o atirador fez disparos na porta da residência do prefeito, também conhecido como Zé Braquiara, por volta das 22h30. Porém, ninguém ficou ferido, já que o prefeito e a família tinham saído para o carnaval. Os buracos de bala na porta só foram vistos na manhã do domingo (19).

Na quarta-feira (15) o prefeito sofreu uma tentativa de atropelamento no pátio da prefeitura. O suspeito, Nilton Pires Junior, membro da ONG (Organização Não Governamental) “Avança Paranaíba”, teria entrado no local e jogado o veículo que conduzia contra o chefe do Executivo Municipal.

Em entrevista ao Campo Grande News, o prefeito José Garcia disse que não tomaria providências após o fato e avaliou o ato como covardia. “O cara que faz isso é covarde. Não é homem. É coisa de politiquinho safado que tem em Paranaíba. Neste caso, mandaria prender o deputado. Ele é baixo em tudo”, afirmou o prefeito. Após o atentado, Zé Braquiara afirmou que decidiu se candidatar à reeleição.

O deputado e ex-prefeito de Paranaíba, Diogo Tita, principal adversário político do prefeito, disse que não acredita no atentado sofrido pelo prefeito e compara a história com a do ex-prefeito de Dourados, Ari Artuzi, que teria simulado um atentado. “Não tem sentido. Está querendo usar gesto de bandido para se tornar vítima e subir em pesquisa. Crime impossível. Matar um morto. Sou contra a violência. A quem interessa dar um tiro em um prefeito que não está na casa dele?”.




Lamentável a fala do prefeito José Garcia de Freitas, ao acusar o Deputado Diogo-Tita como sendo o autor dos disparios em sua residência, pois qual a razão ou o motivo que o Deputado iria tentar contra a sua vida ? não são inimigos, pois conversam quando se encontram, o Deputado é que tá na frente da pesquisa, aliás bem na frente, portanto, o prefeito quer mesmo é virar vítima com fins políticos!.
 
andrew robalinho da silva filho em 23/02/2012 07:32:08
Paranaiba nao merece este tipo de coisa, ta parecendo Dourados na época do Artuzi vamos ver no que vai dar.hummmmm...
 
celso tadeu de mello pegado em 23/02/2012 01:04:10
Casa do prefeito de Paranaíba é atingida por cinco disparos
Na última quarta-feira (15), o prefeito sofreu uma tentativa de atropelamento no pátio da prefeitura da cidadeA casa do prefeito de Paranaíba, José ...
Lojas vão estender horário de atendimento durante o mês de dezembro
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...
Esposa é presa ao tentar entregar pão recheado com maconha para detento
A esposa de um detento de Itaquiraí, distante 410 km de Campo Grande, foi presa na tarde de ontem (7) tentando entregar um pão recheado com maconha p...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions