A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

19/06/2015 10:42

Seminário com presença de secretário nacional debate mobilidade urbana

Helio de Freitas, de Dourados
Seminário realizado hoje e amanhã vai debater problemas de mobilidade urbana em Dourados (Foto: Eliel Oliveira)Seminário realizado hoje e amanhã vai debater problemas de mobilidade urbana em Dourados (Foto: Eliel Oliveira)

Começa às 19h desta sexta-feira (19), no plenário da Câmara de Vereadores, o um seminário para discutir a mobilidade urbana e o uso dos espaços públicos em Dourados, a 233 km de Campo Grande. O evento segue até amanhã e entre os palestrantes estará o secretário nacional de Transportes e Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades, Dario Rais, que vai falar sobre programas e ações do governo federal.

Veja Mais
TJ/MS determina que Estado faça obras de acessibilidade em escolas
Força Nacional vai continuar por mais 30 dias em área onde índio foi morto

A palestra de abertura será feita pelo arquiteto e urbanista douradense Luis Carlos Ribeiro, que vai abordar os principais problemas de mobilidade urbana ocorridos na segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul. Em seguida acontece a palestra de Dario Rais e depois tem debate sobre o assunto, mediado pelo arquiteto e urbanista Ângelo Arruda, responsável pela implantação do Fórum Permanente de Mobilidade Urbana de Dourados, que será criado no seminário.

Amanhã às 8h15, o presidente do IPPUC (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba), Sérgio Póvoa Pires, vai falar sobre o reflexo que as intervenções de mobilidade urbana trazem na qualidade de vida das pessoas.

O seminário é realizado pelo deputado federal Geraldo Resende (PMDB), Câmara Municipal de Dourados e Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados).

“Temos que pensar nas futuras gerações e, coletivamente, fazer um amplo projeto de mobilidade urbana pensando no bem estar dos nossos descendentes”, afirmou Geraldo Resende através da assessoria. Especialistas apontam que em dez anos a frota de 130 mil veículos de Dourados pode chegar a 300 mil carros e motos disputando espaços públicos com pedestres e outros meios de transporte.

TJ/MS determina que Estado faça obras de acessibilidade em escolas
Por unanimidade, os desembargadores da 3ª Câmara Cível do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) decidiram em favor de uma ação civil do M...
Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions