A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

29/06/2015 08:19

Suspeito de matar policial com quatro tiros já cometeu vários crimes

Viviane Oliveira
José Osmar tem várias passagens pela polícia.  (Foto: divulgação) José Osmar tem várias passagens pela polícia. (Foto: divulgação)

A Polícia Civil divulgou a foto de José Osmar Freitas, o Veinho, 27 anos. Ele é suspeito de ter matado com quatro tiros o policial civil Nivaldo José de Almeida, no final da tarde de ontem (28), em Tacuru, distante 427 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Policial civil é morto após abordar autor de disparos em bar
Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS

De acordo com o site a Gazeta News, o investigador foi morto ao tentar prender José Osmar, que minutos antes do crime havia tentado matar uma pessoa durante briga de bar.

Testemunhas contaram à polícia, que o investigador ouviu três tiros e saiu de casa para ver o que estava acontecendo, quando encontrou José Osmar, caminhando pela rua com um revólver na mão.

Nivaldo se apresentou como policial, deu voz de prisão e tirou a arma que José Osmar estava em mãos. Mas o homem reagiu e conseguiu pegar a pistola do investigador. Ele foi morto com pelo menos quatro tiros, na região da barriga, perna e cabeça.

Após o crime, José fugiu a pé em direção a uma região de chácara. O suspeito tem várias passagens pela polícia por tráfico, furto e violência doméstica. O investigador Nivaldo trabalhava na Delegacia de Polícia Civil de Tacuru há pelo menos sete anos. Ele deixa esposa e filhos. 

Quem souber do paradeiro de José Osmar pode entrar em contato com a polícia pelos telefones 67 3478-1199 ou 190. A identidade da pessoa que fizer a denúncia será mantida em sigilo.

Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS
A boliviana Celia Castedo Monasterio, indiciada pelo Ministério Público de seu país por ter autorizado o plano de voo da Chapecoense, com saída em Sa...
Hospital Universitário de Dourados alerta para golpe do falso médico
Falso médico estaria agindo em nome do HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados) e nesta segunda-feira entrou em co...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions