A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

06/01/2012 13:38

Suspeitos de estuprar jovem e sequestrar irmã são presos em Paranhos

Fernando da Mata

Prisão foi feita dois dias depois do crime. Na ocasião, três rapazes que estavam com as irmãs foram amarrados.

Na prisão, os policiais encontraram uma espingarda e pertences das vítimas (Foto: Divulgação)Na prisão, os policiais encontraram uma espingarda e pertences das vítimas (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil prendeu, por volta das 5 horas desta sexta-feira (6), os dois suspeitos de estuprar uma jovem e raptar a irmã dela durante roubo em Paranhos, distante 469 quilômetros de Campo Grande.

O crime aconteceu na quarta-feira (4), por volta da 1h30. Na ocasião, antes do estupro e do sequestro, os bandidos amarram três rapazes que estavam com as jovens no local, que fica em uma das saídas da cidade.

Conforme o titular da Delegacia de Polícia Civil de Paranhos, Marcelo Silva Alves Branco, os suspeitos estavam dentro de um ônibus e foram presos durante abordagem na linha internacional.

O delegado afirmou que Dirceu Ávalo, 22 anos, confessou que foi o mentor do crime e Ramão Rodrigues da Silva, 18 anos, era o comparsa. Ávalo é foragido da cadeia pública de Sete Quedas, a 471 quilômetros de Campo Grande.

“Ontem no fim de tarde, um informante nosso falou que eles [bandidos] iriam pegar ônibus na linha internacional às 5 horas de hoje em direção a Coronel Sapucaia. A equipe policial abordou esse ônibus logo que saiu, entrou no veículo e fez a prisão”, contou Branco.

Após a prisão, a Polícia apreendeu uma espingarda dos criminosos em uma mata perto da fronteira com o Paraguai.

Os dois estão sendo ouvidos na Delegacia de Paranhos. Posteriormente, serão encaminhados para a Delegacia de Sete Quedas, de onde devem ser transferidos para algum presídio.

O crime - Os cinco amigos ouviam música e tomavam cerveja em uma saída da cidade quando foram abordados pelos bandidos. O grupo comemorava o aniversário de uma das jovens.

Segundo o delegado, a intenção dos bandidos era roubar um carro, mas não conseguiram levar o veículo. Então, os três rapazes foram amarrados no local da abordagem e as irmãs levadas para o outro lado da rodovia, em um barraco abandonado.

A mais velha, de 22 anos, foi estuprada. Os bandidos ficaram com ela aproximadamente cinco minutos. Depois disso, a jovem de 20 anos não foi mais vista. Os criminosos fugiram levando também a carteira de um deles e celulares.

Desde o início, a suspeita recaía sobre Ávalo, de acordo com o delegado. A Polícia procurava pelo bandido desde que ele fugiu da cadeia, no entanto, ele ‘se escondia’ no Paraguai.

Segundo Branco, um familiar da jovem raptada ligou para o celular dela e um dos autores atendeu e pediu R$ 10 mil para liberta-la.

A família é humilde e respondeu ao bandido que não tinha a quantia. Os autores então responderam que iriam libertar a menina ilesa.

“[Ávalo] pediu para o familiar ir sozinho, mas fomos junto. Lá, avistamos menina e veio tiro em nossa direção. Então nós revidamos, rapaz deu mais dois tiros”, relatou o delegado. A jovem foi libertada sem ferimentos e a Polícia só conseguiu prender os bandidos na manhã desta sexta-feira (6).

Após troca de tiros, mulher levada por assaltantes em Paranhos é resgatada
A jovem de 20 anos que foi levada por bandidos na madrugada desta quarta-feira (04) após um assalto no município de Paranhos, a 469 quilômetros de Ca...
Dupla amarra rapazes, estupra jovem e rapta outra de 20 anos
Grupo comemorava aniversário de uma das jovens quando houve a abordagem. Polícia procura pelos bandidosDois bandidos amarram três rapazes, estuprara...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions