A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

30/11/2013 10:42

Tensão na aldeia Buriti motivou novo pedido de efetivo da Força Nacional

Aliny Mary Dias e Aline dos Santos
Governo do Estado apoiou pedido da Polícia Federal (Foto: João Garrigó)Governo do Estado apoiou pedido da Polícia Federal (Foto: João Garrigó)

A portaria do Ministério da Justiça publicada ontem (29) no DOU (Diário Oficial da União), que determina que a Força Nacional fique por mais 90 dias em Mato Grosso do Sul, foi necessária em razão da possibilidade de confrontos na Reserva Buriti, em Sidrolândia.

Veja Mais
Na véspera do prazo final, Força Nacional intervém em conflito indígena
Secretária diz que Força Nacional só vai agir na fronteira em casos extremos

De acordo com o secretário de Segurança Pública do Estado, Wantuir Jacini, o pedido partiu da Polícia Federal e teve o apoio do Governo do Estado em razão dos conflitos entre ruralistas e indígenas

“Havia indícios que poderia haver confrontos de parte a parte na terra Buriti e nós apoiamos esse pedido da Polícia Federal”, explica Jacini.

O efetivo de policiais da Força Nacional é confidencial, mas o pedido de mais 90 dias no Estado é normal quando há confrontos. “Quando a situação está calma e pacificada, parte da tropa é transferida para outros pontos do país e com essa nova portaria parte retorna para o Estado”, explica o secretário.

Portaria - Os policiais da Força vão atuar por 90 dias em Mato Grosso do Sul para prevenção e repressão a conflitos agrários, prevenção aos crimes contra as comunidades indígenas e contra lei de segurança nacional.

Segundo o documento assinado pelo ministro José Eduardo Cardozo, o número de policiais e as ações a serem desenvolvidas obedecerão ao planejamento definido pelos envolvidos na operação.




Infelizmente enquanto não houver muitas vitímas de ambos os lados, nossos governantes continuarão atuando com o mesmo sinismo de sempre.
 
Marcus Ferraz em 30/11/2013 16:00:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions