A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

27/10/2016 22:50

TJ-MS inaugura prédio reformado de fórum; obra custou R$ 329 mil

Nyelder Rodrigues

Foi inaugurada nesta quinta-feira (27) o prédio da comarca de Bandeirantes - cidade localizada a 70 km de Campo Grande - da Justiça Estadual. A obra custou R$ 329.230 para uma reforma geral em uma área de 882,96 m².

Veja Mais
Colisão frontal com carreta parte carro ao meio e mata condutor na BR-163
Lojas vão estender horário de atendimento durante o mês de dezembro

A cerimônia foi realizada no plenário do Tribunal do Júri, com a participação do presidente do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), o desembargador João Maria Lós, e do corregedor-geral de Justiça, Julizar Barbosa Trindade.

A reforma primou pela eficiência energética, acessibilidade e segurança para magistrados, servidores e jurisdicionados, é o que explica o desembargador João Maria Lós.

"Não tínhamos prédios próprios e o judiciário funcionava em locais improvisados, como colégios ou galpões, e o júri era realizado no salão da igreja. Mas os presidentes da época foram pioneiros e tiveram visão progressista pois, mesmo nas adversidades, trouxeram juízes para atuar nas comarcas", comenta o presidente do TJ.

Em 2007, o fórum de Bandeirantes, que funcionava em um local improvisado, recebeu seu prédio próprio. Passados nove anos, o local foi amplamente reformado, deixando o fórum com estrutura moderna.

A comarca de Bandeirantes atende também as demandas de Jaraguari e, apesar de pequenos, os dois municípios estão se desenvolvendo e demandando a Justiça Estadual de forma considerável. A comarca tem uma distribuição de cerca de dois mil processos por ano.

Os serviços de reforma do fórum de Bandeirantes abrangeram pintura, troca de reatores e lâmpadas de todas as luminárias, substituição dos aparelhos de ar-condicionados por novos do tipo Split, mais econômicos e silenciosos.

Além disso, foi feita a adequação do sistema de SPDA (Sistema de proteção de descargas atmosféricas), conforme preleciona as normas da NBR 5419/2016. Foram revisadas todas as janelas, portas internas e externas e a cobertura.

Também foi construído um muro entre o acesso à garagem do juiz e o acesso dos detidos à cela, aumentando assim a segurança do juiz. No entorno do prédio foi implantada a sinalização para deficientes visuais com piso tátil, facilitando o acesso à edificação, garantindo acessibilidade ao prédio, além da rampa para o acesso de cadeirantes.

Lojas vão estender horário de atendimento durante o mês de dezembro
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...
Esposa é presa ao tentar entregar pão recheado com maconha para detento
A esposa de um detento de Itaquiraí, distante 410 km de Campo Grande, foi presa na tarde de ontem (7) tentando entregar um pão recheado com maconha p...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions