A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

16/08/2011 06:45

Traficante brasileiro é morto a facadas e tem corpo carbonizado na fronteira

Francisco Júnior

Crime aconteceu no último domingo

O traficante brasileiro Carlos Plínio Moreira Godoy foi morto a facadas e teve seu corpo carbonizado no último domingo, no Distrito paraguaio de Zanja Pytá, a cinco quilômetros de Pedro Juan, cidade que faz fronteira com Ponta Porã.

De acordo com o site Mercosul News, o homem foi assassinado com pelo menos 40 facadas e golpes de um objeto contundente, possivelmente um martelo. O cadáver foi jogado na beira da estrada e depois incendiado com gasolina.

Ainda no domingo, a polícia paraguaia prendeu a mulher da vítima, Ednalva Benedito da Silva, 40 anos, suspeita de participação no crime. Ela foi flagrada por câmeras de segurança de um posto de combustíveis, quando em companhia de outro elemento, abandonou o veículo do marido, uma BMW, cor prata, placas ALR-489, do Paraguai.

Ainda conforme o site, a mulher apresentou várias versões para o crime, mas acabou relatando o que de fato aconteceu com seu marido. Segundo ela, teria sido motivo por conta de uma dívida de R$ 30 mil que Godoy tinha com um homem identificado pelo nome de ao Diosnel.

Godoy tinha várias passagens pela polícia.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions