A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

09/04/2015 20:08

Tribunal de Justiça nega pedido de indenização contra site de notícias

Daniel Machado

Os desembargadores da 2ª Câmara Cível negaram o pedido de indenização por danos morais de Joveni Aparecido dos Santos contra o site Minuto MS, de Três Lagoas, MS.

Veja Mais
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Condutor abandona veículo carregado com 800 kg de maconha na BR-163

Em reportagem publicada pelo portal, o apelante alegou ter sua honra e imagem manchadas pela veiculação de notícia quanto a um crime de receptação em que aparece a imagem de sua Carteira Nacional de Habilitação, com foto e dados pessoais, sem que tenha autorizado a publicação. Santos sustentou que teve sua moral exposta ao ridículo e que, nesse contexto, os danos morais decorrem da conduta da parte recorrida, independente de prova.

Em decisão, o magistrado julgou improcedente a ação por considerar que a conduta do portal de notícias online não foi abusiva nem excessiva, tratando-se do exercício de liberdade de informação natural da imprensa.

Em seu voto, o juiz convocado José Ale Ahmad Netto, relator do processo, explicou que a informação e a livre divulgação dos fatos, asseguradas constitucionalmente, devem ser interpretadas em conjunto com a inviolabilidade à honra e à vida privada, bem como a proteção à imagem, sob pena de responsabilização por danos materiais e morais.

De acordo com o relator, a Constituição não dá proteção a informações maliciosas, propositalmente errôneas, pois as liberdades públicas não podem acobertar condutas ilícitas.

Desta forma, de acordo com decisão, por ter se limitado a narrar os fatos de forma sucinta, conforme o relato dos agentes policiais no boletim de ocorrência, o relator decidiu que não houve conduta ilícita por parte do portal, de cunho difamatório ou injurioso ao apelante, notando que as afirmações foram corroboradas pela autoridade policial.

Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Em oito dias de atendimentos da Carreta da Justiça em Taquarussu - município localizado a 332 km de Campo Grande -, o projeto do TJ-MS (Tribunal de J...
Mesmo algemada, mulher usa isqueiro e coloca fogo em viatura policial
Elaine Cristina da Silva de 37 anos foi presa na noite de ontem (8) em Sonora, distante 364 km de Campo Grande, por porte ilegal de arma. Porém, mesm...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions