A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Janeiro de 2017

06/03/2013 15:09

Tribunal mantém condenação de R$ 10 mi por trabalho degradante em empresa

Viviane Oliveira

Submissão de trabalhadores a condições degradantes resultaram na condenação da Infinity Agrícola S/A, na zona rural de Itaquiraí, e da Usina Naviraí S/A Açúcar e Álcool, município de Naviraí, em R$ 10 milhões em setembro do ano passado. As empresas recorreram da decisão, mas o recurso não foi aceito pelo Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso do Sul. Com isso, a decisão foi mantida.

Veja Mais
Funcionários de hospital bloqueiam rodovia por atraso em salário
Traficantes abandonam barco com 115 Kg de maconha no rio Amambaí

Conforme o Tribunal, não houve a devida comprovação do recolhimento dos valores que deveriam ser depositados judicialmente para garantir o recurso.

Trabalho degradante - A ação foi movida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) como resultado da operação conjunta realizada em junho de 2011. Na ocasião, o Grupo Especial de Fiscalização Móvel flagrou o aliciamento e submissão de mais de 800 trabalhadores à situação de escravidão na Usina Naviraí.

Nessa operação, foi constatado o aliciamento de trabalhadores rurais de Minas Gerais e de estados da região nordeste, além de 285 indígenas do estado, submetidos a condições indignas e degradantes, e o descumprimento de normas de saúde e segurança. Parte dos cortadores trabalhava com chuva forte e fria, em torno de 10°C, sem equipamentos de proteção individual adequados.

Por causa da gravidade dos fatos, o juiz do trabalho Antonio Arraes Branco Avelino condenou as empresas por danos morais coletivos no valor de R$ 10 milhões. Além do pagamento dessa indenização, a empresa foi condenada a cumprir as normas de saúde e segurança no trabalho, sob pena de multa de R$ 10 mil por irregularidade, multiplicada pelo número de trabalhadores atingidos.

As empresas ainda poderão recorrer da decisão ao TST (Tribunal Superior do Trabalho).

Corpo de homem com marcas de tiros é encontrado boiando no rio Apa
O corpo de um homem ainda não identificado, foi encontrado boiando no rio Apa, por volta de 15h de ontem (16) em Bela Vista, distante 322 km de Campo...
Um dos três detentos que fugiram sábado de presídio é recapturado
Foi recapturado nesta tarde de segunda-feira (16) Willian Ferraz da Silva, de 19 anos, um dos três detentos que fugiram no sábado (14) da Penitenciár...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions