A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

20/09/2014 14:04

Vereador é acusado de agredir funcionário do Hospital da Vida

Filipe Prado

O vereador Dirceu Aparecido Longhi, 51 anos, foi acusado de agredir um funcionário do Hospital da Vida de Dourados, a 233 quilômetros de Campo Grande. Conforme o registro policial, o Longhi empurrou Jader da Silva Areco, 37, por tê-lo impedido de entrar no setor restrito do hospital.

Veja Mais
Após deslizamento e risco a usuários, MS-295 é totalmente interditada
Justiça bloqueia bens de ex-prefeito e mais oito por fraude em licitação

No registro Areco contou que Longhi chegou ao hospital, por volta das 3h30 de hoje (20), aparentemente embriagado e disse que queria ver o seu pai, que havia sido internado na área vermelha. No local só é permitida a entrada em horários específicos, então o funcionário não autorizou a entrada do vereador.

Com isso, Longhi empurrou Areco e entrou no setor, mas o funcionário o alcançou e afirmou mais uma vez que ele não poderia entrar, então o vereador voltou a empurrá-lo.

De acordo com o jornal Dourados News, o vereador confirmou que empurrou o funcionário, pois soube da internação de seu pai, que sofre com problemas cardíacos, e precisava saber seu estado.

Ainda revelou que irá realizar um boletim de ocorrência contra o hospital, já que não lhe informaram sobre a situação do seu pai.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions