A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

17/03/2011 11:45

Vídeo mostra universitários atravessando cratera a pé na BR-158

Aline dos Santos
Descalços e com sapatos nas mãos, universitários enfrentaram ontem a travessia da BR-158. (Foto: Márcio Seraguci)Descalços e com sapatos nas mãos, universitários enfrentaram ontem a travessia da BR-158. (Foto: Márcio Seraguci)

Descalços e com sapatos nas mãos, mais de 80 universitários enfrentaram ontem a travessia da BR-158, no trecho levado pela chuva.

Para chegar em casa, os estudantes da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) e FIPAR (Faculdades Integradas de Paranaíba) tiveram que enfrentar muita lama. O grupo decidiu atravesar a pé depois de passar noite dentro do ônibus, na rodoviária de Paranaíba.

As chuvas do início de março romperam a pista do lado esquerdo e na terça-feira a enxurrada levou o outro lado da pista, abrindo uma cratera no km 79 da rodovia, que liga Paranaíba à Cassilândia e Chapadão do Sul.

Hoje, foi instalado um tablado de madeira para a passagem de pedestres.

De acordo com o site Tribuna Livre, o engenheiro do DNIT (Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes), Milton Rocha Machado, informou que a construção de um desvio para veículos, se a chuva parar, deve demorar mais de uma semana.

Para passagem de veículo sentido Paranaíba/Cassilândia o acesso é a MS-240, sentido inocência MS-310 em direção ao distrito de Alto Santana.




Eh vida de universitário sul-mato-grossense não é facíl hen!
 
Anderson Silva em 17/03/2011 12:20:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions