A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

18/12/2012 08:44

Vistoria conjunta de técnicos será feita hoje em prédio histórico de Corumbá

Paula Vitorino
Prédio que desmoronou fica em área histórica de Corumbá. (Foto: Capital do Pantanal)Prédio que desmoronou fica em área histórica de Corumbá. (Foto: Capital do Pantanal)

Técnicos do IPHAN (Instituto Nacional do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) e da secretaria de obras de Corumbá devem fazer uma vistoria hoje (18) no prédio conhecido como “Vasquinho", que teve parte da parede desmoronada no fim de semana.

Veja Mais
Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
Pistoleiro morre baleado durante confronto com a polícia do Paraguai

Equipe do proprietário do local também deve fazer análise sobre o prédio. De acordo com a chefe do Iphan de Corumbá, Silvia Teresa Mercado, o proprietário será notificado a iniciar obras emergenciais no prédio a partir de hoje. As medidas foram definidas em reunião realizada na tarde de ontem.

O comandante da Defesa Civil, tenente Isaque Nascimento, explica que o primeiro trabalho a ser feito é chamado de escoramento, para prevenir novos desmoronamentos do prédio.

Só após o resultado dos laudos emitidos pelos diversos órgãos é que será possível definir as obras definitivas que devem ser feitas no prédio. Um dos objetivos é esclarecer se a obra da escadinha XV de novembro, que fica ao lado, interferiu na estrutura do prédio e se existe necessidade de demolição do local.

“Vamos buscar a melhor solução para o problema”, afirma o tenente.

O prédio foi construído no século XX e é tombado como patrimônio histórico pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional)

O desmoronamento também afetou a inauguração da escadinha, que deveria ter sido feita ontem e agora não tem previsão para ser entregue.

Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
A Sanesul e a prefeitura de Nova Alvorada do Sul - cidade localizada a 120 km de Campo Grande - terão que criar no município rede coletora e estação ...
Médico nega que tenha abandonado pacientes e diz que foi autorizado a sair
O médico Carlos José da Costa Duran, de 41 anos, nega que tenha abandonado o plantão no hospital e maternidade Idimaque Paes Ferreira, o único em Rio...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions