A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

17/12/2014 14:45

Vítima de acidente em estrada do PR morre e prefeito decreta luto

Liana Feitosa
Jovem havia se graduado em Teologia no início do mês. (Foto: Reprodução Facebook)Jovem havia se graduado em Teologia no início do mês. (Foto: Reprodução Facebook)

O acidente próximo a Toledo, no Paraná, que matou uma mulher de 78 anos na manhã de hoje (17), também vitimou Dagnis Angelina Victorianos, de 23 anos. A jovem, da cidade de Paranhos, a 469 quilômetros de Campo Grande, teve fraturas múltiplas, passou por cirurgia e foi transferida para uma UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) do hospital de Toledo, mas não resistiu aos ferimentos.

Veja Mais
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Condutor abandona veículo carregado com 800 kg de maconha na BR-163

Por causa da morte de Dagnis, o prefeito da cidade, Júlio Cesar de Souza (PDT), decretou luto oficial, segundo o jornal Fronteira Agora. "Ilustre cidadã do município de Paranhos que, em vida, se dedicou sempre a fazer o bem", diz o documento.

Cristã, a jovem congregava na IEL (Igreja Evangélica Livre) da pequena cidade e, no último dia 6, se graduou em Teologia pelo Seminário Instituto Bíblico Betânia de Altônia, interior do Paraná, de onde seguia para visitar a família.

Acidente - Ainda de acordo com o jornal, o acidente aconteceu depois que o veículo Fiesta, do qual a jovem era passageira, bateu em uma carreta que vinha no sentido contrário. Em seguida, o Fiesta colidiu contra um Vectra que seguia atrás do caminhão.

O motorista do Fiesta, identificado como Willian Franklin Morell, tentou fazer uma ultrapassagem, de acordo com testemunhas, e bateu no caminhão e ainda atingiu o Vectra.

O Fiesta capotou após a colisão e ficou completamente destruído. Dagnis e Willian ficaram presos às ferragens e o Corpo de Bombeiros precisou usar o desencarcerador para retirar as vítimas. Willian foi socorrido em estado grave com traumatismo craniano.

No Vectra estavam três mulheres, Silvani Egger Salamon, 43 anos, condutora do veículo, Carla Regina Salamon, 49 anos, cunhada de Silvani e Lili Edwiges Salamon, 78 anos, sogra da condutora, que morreu horas depois com hemorragia interna.

Silvani e Carla tiveram ferimentos leves, a condutora recusou atendimento no local e Carla foi levada até o hospital de Toledo. Já o motorista da carreta nada sofreu.

Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Em oito dias de atendimentos da Carreta da Justiça em Taquarussu - município localizado a 332 km de Campo Grande -, o projeto do TJ-MS (Tribunal de J...
Mesmo algemada, mulher usa isqueiro e coloca fogo em viatura policial
Elaine Cristina da Silva de 37 anos foi presa na noite de ontem (8) em Sonora, distante 364 km de Campo Grande, por porte ilegal de arma. Porém, mesm...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions