A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

01/12/2016 06:40

Novo Hospital Unimed da capital terá 23 mil m²

Prédio deve ser concluído no 1º semestre de 2017, com conforto e tecnologia

Informe Publicitário
Construção nos altos na Avenida Mato Grosso.Construção nos altos na Avenida Mato Grosso.

Em 2017, a Unimed Campo Grande inaugura estrutura modelo e também uma nova era de seu recurso próprio na Capital. No lugar dos 3 mil m² atuais, surgirão 23 mil m² de um hospital com qualidade diferenciada, moderno, humano, onde o paciente será atendido com a competência já reconhecida da equipe técnica da cooperativa.

Nos altos da Avenida Mato Grosso, o prédio de 9 pavimentos ganhará mais 130 leitos hospitalares e, somados aos 50 já existentes, contribuirá com 180 vagas em um Estado que sofre diante da falta de leitos.

Serão 10 salas de cirurgia, cada uma de cerca de 40 m², com 20 vagas só de UTI. Os clientes da Cooperativa terão acesso ao atendimento ambulatorial, pronto-socorro, laboratório e centro de diagnóstico.

Além da segurança do paciente, existe extrema preocupação com conforto do beneficiário. Os quartos apresentam amplas janelas que guardam o verde como vista privilegiada.

A ampliação abrirá espaço para uso de novas tecnologias, do diagnóstico ao tratamento. Por isso, os clientes Unimed terão acesso à maior número de serviços, que hoje não são possíveis por conta das limitações estruturais.

Nova estrutura surge no mesmo endereço do hospital que existe hoje.Nova estrutura surge no mesmo endereço do hospital que existe hoje.
Projeto é moderno e com internação nos padrões de hotéis.Projeto é moderno e com internação nos padrões de hotéis.

“Quando falamos em qualidade de atendimento dentro de um hospital, inevitavelmente pensamos em aspectos voltados à segurança do paciente e humanização. De forma abrangente esses dois aspectos já são contemplados no hospital atual, pois dependem muito mais de pessoas e processos do que aspectos estruturais. Porém, é verdade que as limitações físicas do prédio atual, principalmente no que tange à acessibilidade, limitam, e muito, a atuação da equipe”, comenta a presidente da Unimed Campo Grande, Sarita Garcia Rocha.

O novo prédio é uma grande conquista para alavancar ainda mais um projeto desenvolvido pela Unimed Campo Grande. “Incentivar constantemente a prática de hábitos saudáveis e oferecer aos clientes uma rede de atendimento eficiente é o nosso papel”, destaca Sarita.

A construção começou em fevereiro de 2015, no mesmo local onde hoje funciona o Hospital Unimed, antigo Miguel Couto. As obras devem ser concluídas ainda no primeiro semestre do próximo ano.

“Em tempos difíceis para o Brasil, a cooperativa mostra responsabilidade, contribuindo para a melhoria na rede de saúde. O alto custo de aquisição e manutenção de equipamentos, a insuficiência de fontes de receitas para o setor, a falta de leitos, o crescimento populacional e aumento da expectativa de vida do brasileiro, além da crise econômica atual, desafiam quem atua neste setor. Mesmo diante deste cenário, a cooperativa tem a missão de garantir a qualidade da assistência à saúde prestada aos mais de 100 mil clientes”, avalia a presidente.

Acompanhe os avanços da obra no portal da Unimed Campo Grande.

Imagem será como está em 2017.Imagem será como está em 2017.
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions