A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 05 de Setembro de 2015

29/11/2010 13:57

População de MS se aproxima dos 2,5 milhões, diz Censo

Redação

A população de Mato Grosso do Sul cresceu 1,66% por ano desde o último censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) realizado no ano 2000. Atualmente, o Estado conta com 2.449.341 habitantes, um crescimento de 371.340 pessoas desde o ano 2000, conforme resultado do Censo 2010 divulgado nesta segunda-feira.

Os números do Censo haviam sido divulgados anteriormente, mas somente agora foram consolidados pelo IBGE.

O crescimento populacional de Mato Grosso do Sul tem caído percentualmente, apontam os censos realizados. De 1980 a 1991, o Estado apresentou 2,41% de aumento no número de habitantes. Já de 1991 a 2000, o crescimento foi de 1,73%.

Com a taxa de crescimento em 1,66% anual apontada no Censo 2010, Mato Grosso do Sul ocupa o 10° lugar em crescimento no Brasil, atrás de estados como Amapá, Roraima e Acre.

Em 2000 a população de Mato Grosso do Sul era de 2.078.001 habitantes. No Estado, os cinco municípios-pólo (Campo Grande, Dourados, Corumbá, Três Lagoas e Ponta Porã) apresentam o maior percentual de habitantes na área urbana.

Campo Grande é o município que concentra aproximadamente 32% de todos os habitantes do Estado. Somente na Capital, residem 787.204 habitantes, sendo que 10.550 pessoas moram na área rural.

A ordem dos municípios mais populosos fica com Dourados (196.068 habitantes) em segundo lugar; seguido por Corumbá (103.772), Três Lagoas (101.722) e Ponta Porã (77.866).

No comparativo entre população urbana e rural, Ladário (com 19.653 habitantes, sendo 18.601 na área urbana) e Jardim (24.363 habitantes, com 1.605 na parte rural do município) também apresentam alta concentração populacional na cidade.

Por outro lado, Ponta Porã e Sidrolândia apresentou a maior população rural apontada pelo Censo, com 15.812 e 14.353 habitantes, respectivamente.

As menores populações estão em Figueirão (2.927); Taquarussu (3.512); Jateí (4.017); Alcinópolis (4.570) e Corguinho (4.862).

O Censo teve início em agosto e envolveu 2.240 recenseadores, sendo 686 somente na Capital. Os números do levantamento populacional são utilizados pelos municípios para buscar investimentos e recursos nas áreas de educação, saúde, segurança e demais setores.

Veja Também
Inmetro: novas regras de segurança para berço devem ser definidas até dezembro
O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) abriu consulta pública para revisar as regras de segurança para berços comercial...
Incidência de raios no Brasil já pode ser prevista com 24h de antecedência
Um serviço inédito de previsão de raios foi lançado ontem (4) pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), em São José dos Campos, São Paul...
CGU recebe inscrições em concurso contra “pequenas corrupções”
O concurso de desenho e redação da CGU (Controladoria-Geral da União) foi prorrogado até 30 de setembro. O concurso é voltado para estudantes da inic...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions