A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


11/09/2013 09:09

11/9 data fatídica

Reinaldo Rosa

PARA ALGUNS - Há exato um ano, o Campo Grande News abriu espaço para colocar em discussão o que exibe a televisão e o que vai pelas ondas do rádio de Mato Grosso do Sul. Pela ‘longevidade’ da editoria o canal aberto para opinião obteve aprovação do leitor. Parece.

Veja Mais
Profissionais de rádio se aventuram na internet
Horário engessado limita noticiário de emissora

QUEM CALA – As opiniões aqui inseridas no período, não obtiveram contraditórios por parte de quem se sentiu alvo dos comentários. A única entidade a fazê-lo foi o Sindicato dos Radialistas de Mato Grosso do Sul, através de sua diretoria. Troca de ideias é salutar.

POR ONDE ANDA – Parte da imprensa escrita e falada local é constituída de bons profissionais. Aproveitar a experiência e talento de jornalistas como Marilu Guimarães, por exemplo, seria medida capaz de elevar o nível de programas regionais. Em qualquer área.

BOA NOTÍCIA – Rádio jornalismo cresce –e aparece- em Mato Grosso do Sul. A audiência qualitativa será conquistada por produções que não sejam prontas e acabadas, com abraços; beijos; algumas notícias e entrevistas, tão frequentes atualmente.

B DA B – Jornalista Liziane Berrocal informa que o programa B de Berrocal, ganhou mais espaço na Nova FM, 106,3 –região do bairro Universitário. Segundo ela, “devido aceitação do público, o programa passa a ter três horas de duração ficando no ar de 11h as 14h”. Pela internet, a sintonia é www.novafm.com.br [1]. Músicas de qualidade.

DIRETO DO PANTANAL - Programa informativo matinal de emissora de rádio, em Aquidauana, lembra personagem do filme Tropa de Elite 2. Ouvintes pedem pra sair.

FALA POVO - “Se formos falar em comunicação estamos ferrados. Porque colocam na FM UCDB, na hora do trânsito, o locutor não consegue pronunciar uma palavra sem erros e gagueira. Sim, é uma palavra mesmo; se fosse frase a gente tava bem. Nossos jornais, independente da emissora, são uma calamidade pública; só têm político na TV, desde
Cabeludo até Marquinhos e companhia. Sei que a TV não tem muito pra onde correr com programas locais, e só quem consegue patrocínio é político; então fica difícil, mas é muito ruim”. (MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS)

ENGANOSA – Repetidoras de TVs locais veiculam anúncio de concessionária de potentes e vistosos veículos. No áudio, oferta especial é dirigida –apenas- à classe da produção rural do Estado. Segundo leis do consumidor tal distinção é proibida. Alô Procon. Alô Sinapro.

SOCORRO O AUTOR ASSUMIU - Depois de todo o mal que sofreu, Paloma (Paolla Oliveira) ainda está longe de ter sossego. Após uma passagem de tempo, em "Amor à vida", Ninho (Juliano Cazarré) volta rico dos Estados Unidos e disposto a brigar pela guarda de Paulinha (Klara Castanho) com a ex-namorada e Bruno (Malvino Salvador). Valentin (Marcelo Schmidt) é quem busca o amigo no aeroporto e se surpreende com o novo visual do ex-hippie, agora, artista plástico de renome internacional. Enxertos na sinopse original.

GERALDO ESPÍNDOLA RECOMENDA - O novo show de Iara Renó. Acompanhada de Ricardo D Gomes nos sintetizadores (Banca CÊ, de Caetano e Do Amor) e Leo Monteiro na bateria (Orquestra Imperial e Duplex) IARA canta e toca guitarra desfilando um repertório autoral e ainda inédito em processo de gravação com produção de Moreno Veloso. A sonoridade é um som pop com muita personalidade: as músicas por vezes soam como sambas
clássicos que avançam para rock de pista e sintético. Dia 17 de setembro, 20 horas, no Teatro Horto, rua Anhandui 200, Campo Grande.

AOS COMENSAIS DE PLANTÃO – Não haverá comemoração pelo primeiro ano da coluna. Respeitos àqueles que acham que ela nunca deveria ter existido.

Links:
[1] http://www.novafm.com.br

Profissionais de rádio se aventuram na internet
RÁDIO PRA QUEM QUISER – Amor ao rádio provoca mudança de tratamento no segmento; profissionais fora do escasso mercado radiofônico local ‘fundam’ as ...
Horário engessado limita noticiário de emissora
PLANO DE VOO – Segunda-feira, às 4h10, o ‘Plantão da Globo’ anuncia a queda do avião com a delegação do Chapecoense. Um minuto após, volta a exibição...
Crise afeta dízimo e vida de TVs de evangélicos
MILAGRE ECONÔMICO – Com a crise econômica nos últimos anos, os fiéis de igrejas evangélicas sumiram dos templos e murchou a principal fonte de pagame...
Jornalismo local está cada vez mais nas redes sociais
ASSISTINDO AGORA – Uma semana do novo ‘Tribuna Livre’, na Capital FM, com transmissão, também pelo Youtube. A novidade ainda não empolgou a linha de ...



Parabéns pelo primeiro ano da coluna, caro colega Reinaldo Rosa.
Envio os meus cumprimentos, em nome das equipes da rádio Independente de Aquidauana e do Portal Pantanal News ®.
Que o sucesso continue ao lado do colega, durante muitos anos.
Sobre o 11 de setembro, no Rádio do MS, escrevi artigo no meu blog: http://aanache.blogspot.com.br/2006/09/o-11-de-setembro-no-rdio-de-mato.html#links (caso o 'link' não possa ser publicado, atendendo normas internas do "Campo Grande News", gostaria que fosse retirado, sem problema).
Saudações pantaneiras.
Atenciosamente,
Armando de Amorim Anache
Jornalista e radialista
 
Armando de Amorim Anache em 12/09/2013 13:19:16
Apesar de não ser do ramo, sempre leio a coluna..e concordo com a maioria dos seus comentários.
Gostaria de dar duas sugestões, se é que está aberto a isso.
1. Aproveita o aniversário da coluna e muda o nome pra "De olho na mídia", acho que estaria mais dentro do contexto do que você posta.
2. Utilizar uma linguagem mais coloquial atrairia mais público para esta coluna.
E este é justamente o ponto que acho negativo, quando utiliza algumas palavras ou expressões que não são do conhecimento de todos, mesmo os com um pouco mais de formação.
Sucesso.
 
Marcelo Mendes em 11/09/2013 19:55:48
Parabéns pelo aniversário da coluna. Sucesso sempre. Abraços.
 
Ramão Cabreira - Jornalista em 11/09/2013 15:24:57
É lamentável assistir ao jornal da TV Morena na hora do almoço. Mais parece uma revista eletrônica ancorada por uma boneca que faz "caras e bocas" na apresentação. Destaque para as palhaçadas do Tatá Marques, o excelente jornal da Record que informa do jeito que tem que ser e para a Band com seu jornal na hora do almoço. De nada adianta investir milhões em modernização sendo que conteúdo continua engessado.
 
Anne Furlan em 11/09/2013 14:42:13
Infelizmente o espaço que antes era de jornalistas , hoje estão sendo ocupado por políticos de oportunistas de plantão.
 
juarez delmondes em 11/09/2013 11:34:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions