A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Fevereiro de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


17/02/2016 10:35

O Sítio do Pica Pau Amarelo de Lula

Reinaldo Rosa

JÁ DEU – O ‘Jornal Nacional’, da rede Globo, continua mandando ao ar imagens – e textos – que teimam na ligação da propriedade de um sítio, em Atibaia, com o ex-presidente Lula. Nada de novo e, ao que parece, vai continuar. Isto é, veja, já foi a época de enrolar telespectadores.

E DAÍ – Empresa controlada pela Mossak Fonseca, segundo o jornalista Luis Nassif, detinha direitos sobre vários imóveis do edifício sede do famoso tríplex do Guarujá. A mesma (Murray) tem o controle também da mansão dos Marinho, das Organizações Globo, em Paraty. Fato que o ‘JN’ não detalha. Claro.

BOLA DENTRO – A TV Educativa de Mato Grosso do Sul cravou importante decisão em benefício dos telespectadores do Estado. Optou por transmitir a programação da TV Cultura, de São Paulo. Assistir ao ‘Roda Viva’ pela internet é coisa do passado.

QUEM PAGA – Sub produto da emissora de rádio comunitária, vereador Coringa, de Campo Grande, segue na cola do assistencialismo barato. Conquistou importante patrocínio para ‘premiar’ seus ouvintes, nas manhãs de sábado, pela Difusora AM; 50 reais a quem se dispõe responder intrigante questão feita pelo parlamentar. Expediente para lamentar.

RETORNO, A MISSÃO – Deu certo na primeira, na segunda, pode ser. Ex-vereador tentará, mais uma vez, voltar aos céus do legislativo da capital. E, de novo, por meio das ondas do dial e surradas pedaladas legalizadas.

ROBIN HOODS – Surradas notas opinativas de repórteres e suas notas policialescas no rádio geram desconforto dos mais variáveis. Oswaldinho Duarte (Grande Dourados FM) e o ‘Bronca’ (94 FM) têm o pessoal da sede regional dos Direitos Humanos como ouvintes.

PORÃO DO RADIOJORNALISMO – Com informes agressivos e sensacionalistas, Oswaldinho tem no bordão “vai pro ralo” o que acha ser seu diferencial no rádio douradense. “Toda bandidagem é rato de esgoto” e apologia à pena de morte é o que não falta no ar.

CAUSA E EFEITO – Juntando-se aos dirigentes dos Direitos Humanos local, processos de pessoas que se sentiram ofendidas também começam a pipocar no judiciário local.

NA LEMBRANÇA – Em entrevista a um dos citados, o ex-prefeito Ari Artuzi, informou que iria fazer “asfalto de gente branca”. Foi processado e condenado, segundo o blogueiro jornalista Valfrido Silva.

DITO EFEITO – Radialista e advogado, Isaac de Barros, de Dourados, foi processado por usar a expressão “chora bugrada” em texto do jornal ‘O Progresso’. Falecido recentemente, seu espólio acaba de perder na apelação da ação.

NOTA BOA – Nem só de notícia ruim vive o rádio de Dourados. O antológico ‘Negão da Arapuca’ mantem programa sertanejo entre os mais sintonizados na região. Com palavreado peculiar se destaca com o “abraço pra todos os pessoal que tá nos escutando”.

Caso da primeira-dama hackeada passou batido
EMPODERADO II – Talmir Nolasco, outro personagem histórico do rádio de MS, ‘deu um tempo’ aos microfones. Depois de atuar na campanha eleitoral do PS...
Rádio local disputa espaço com futebol na TV fechada
EMPODERADO – Personagem da história do rádio sul-mato-grossense, Nivaldo Mota atualmente dedica o talento em outras ondas. Em tempo real, entrevista ...
TV e federação também bagunçam o futebol local
ISTO É PLANEJAMENTO – Cronista esportivo informa a próxima rodada do campeonato sul-mato-grossense de futebol: “...caso não haja alterações durante a...
Nas rádios, só 'programação sertaneja' parece obrigatória
VOCÊ SABIA? – Através do convênio MEC-Abert é estabelecido o tempo de veiculação de conteúdo educativo obrigatório na programação das emissoras. Segu...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions