A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


15/02/2013 09:40

Rádio volta com tudo após carnaval

Reinaldo Rosa

DÉJÀ VU – Nos anos setenta, em São Paulo, nos primeiros dias da TV Gazeta, tinha um programa, cujo apresentador ficava à frente de duas beldades –com roupas reduzidíssimas- balançando os quadris. Qualquer semelhança –e atraso- com atração comandada por apresentador cabeludo, em TV de Campo Grande, é mero flash back. Coisas superadas são constantes nas redes atuais.

Veja Mais
Radialistas e suas relações perigosas
Profissionais de rádio se aventuram na internet

VOLTAM AS AULAS – Pós carnaval noticiosos radiofônicos voltaram com tudo. Alcaide e raivosos edis fornecem boa pauta para o horário entre 7:45 e 8:30 nas rádios da capital. Com participação ativa dos ouvintes percebe-se que tal programação é muito bem aceita pelos incomodados que pregam –reais- mudanças. Práticas com menos teorias.

SAUDÁVEL DISCUSSÃO – Universo publicitário da capital acompanha com real interesse argumentações no radio jornalismo sobre a logomarca (não logotipo) da atual administração municipal. Agências contratadas sempre têm –por lógica- a iniciativa de mexer com a vaidade do cliente através de suas criações. Sendo inconstitucional ‘o cliente dá jeito’; avisado ele foi.

FILHOS DA PAUTA – Henrique Medeiros, publicitário chegado às lides de regulamentação da profissão daria esclarecedoras regras em entrevista que, certamente, teria repercussão. Só será preciso vencer o ‘me inclua fora dessa’ do presidente da Slogan.

NÃO TEM TU - Altos preços da mídia na TV estão aumentando, consideravelmente, a veiculação publicitária através de rádios e sites. Engessada pela rede Globo, apesar de ser a menina dos olhos de possíveis anunciantes, a TV Morena oferece valores algumas vezes considerados inalcançáveis. Retransmissoras de outras redes (SBT, Band e Record) além de tabela menor –em relação à primeira- ainda acenam com algumas bonificações. O retorno que é duvidoso.

ESSE DINHEIRO NÃO É MEU - O pastor Silas Malafaia disse no programa De Frente Com Gabi, no SBT, que vai processar a revista americana Forbes, que afirmou que ele é o terceiro pastor mais rico do Brasil com patrimônio de R$ 300 milhões. Garantiu que o processo irá correr nos EUA. Conforme Malafaia, a revista incita o público a acreditar que todo pastor é ladrão.

DO BÁSICO AO ACABAMENTO - A Igreja Mundial do Poder de Deus, do intitulado apóstolo Valdemiro Santiago, está anunciando na TV a venda do "tijolo da obra de Deus". É um tijolinho de plástico que o fiel deve comprar por, no mínimo, R$ 200. Com isso, além de ganhar o mimo ele está "investindo" na reconstrução da obra de Deus" e da sua própria vida. (procure o vídeo e o tijolinho).

LETRAS NATIMORTAS - Projeto do deputado Félix Mendonça Júnior (PDT-BA), pretende tirar cerca de 30 dias de exibição do horário eleitoral na TV. Segundo a proposta, a propaganda eleitoral será permitida por apenas 60 dias antes da antevéspera das eleições. Tem tudo para a Comissão de Constituição Justiça e Cidadania engavetar. Sem nenhuma discussão.

LAICOS FORA - Funcionários da rede CNT estão apreensivos com as notícias sobre a venda da emissora para Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus. A CNT deverá ter, a partir de março, cerca de 20 horas de programas religiosos de Valdemiro. O restante será composto por jornalismo. O religioso segue locando espaços em outros canais.

NIVELANDO POR BAIXO - Vencem em abril os contratos dos mais de 50 funcionários do “Programa do Gugu”, da Record. Alguns vieram do SBT, junto com o apresentador, com salários bem acima do mercado. Há diretor de quadro ganhando R$ 30 mil. A maioria será convidada a ficar por salários menores e com contratos com prazo indeterminado de duração, sem multas rescisórias

Radialistas e suas relações perigosas
RELAÇÕES PERIGOSAS – O apresentador e agora vereador eleito Lucas de Lima emposta a voz na sua porção de conselheiro matrimonial. No programa noturno...
Profissionais de rádio se aventuram na internet
RÁDIO PRA QUEM QUISER – Amor ao rádio provoca mudança de tratamento no segmento; profissionais fora do escasso mercado radiofônico local ‘fundam’ as ...
Horário engessado limita noticiário de emissora
PLANO DE VOO – Segunda-feira, às 4h10, o ‘Plantão da Globo’ anuncia a queda do avião com a delegação do Chapecoense. Um minuto após, volta a exibição...
Crise afeta dízimo e vida de TVs de evangélicos
MILAGRE ECONÔMICO – Com a crise econômica nos últimos anos, os fiéis de igrejas evangélicas sumiram dos templos e murchou a principal fonte de pagame...



Gilson Giordano, sua reclamação com a Uniderp FM é totalmente sem necessidade. A Uniderp FM É MELHOR RÁDIO DE CAMPO GRANDE, ela não tem locutores e propagandas insuportáveis que tratam os ouvintes como se fossem acéfalos. A Uniderp FM toca músicas de artistas regionais como Bebados Habilidosos, Haiwana, Olho de Gato, Banda Naip, e se vc não conhece nenhuma delas, te digo que existe coisas além de michel teló e mr catra. As outras rádios precisam melhorar e muito, principalmente os locutores que cortam as músicas para falarem besteiras.
 
Alexandre Melo em 16/02/2013 10:21:16
Gostaria de saber porque o nobre jornalista não comenta de forma mais aguda, a péssima programação da Rádio/Laboratório, a FM UNIDERP que continua com uma péssima programação só músicasinternacionalse não tem ntemhora certa que o mínimo que uma rádio pode oferecer isso sem falar na total ausencia dos locutores. Essa sim merece uma crícita ou ate mesmo um editorial nesse site. Será que é falta de coragem?
 
Gilson Giordano em 15/02/2013 10:30:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions