A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2017


  • De olho na TV
  • De olho na TV

    com Reinaldo Rosa


20/01/2014 09:05

Televisão fala a língua dos homens

Reinaldo Rosa

ROLEZINHO – Contando com apoio de toda a crônica esportiva da capital – incluindo-se transmissão direta da TV Morena - faltou o alvo principal dos trabalhos: torcedores presentes aos estádios. Segundo a repetidora local da Globo exatas 1.005 pessoas testemunharam o jogo entre Cene e Novoperário, no Morenão. O locutor Marco Antonio exultou o fato de o jogo do domingo “ter mais gente que o encontro deste sábado” (entre Comercial e Misto). Plim plim.

BRIGA CONTINUA – Repercutiu a matéria de Lygia Sabka sobre o setor de saúde, em Corumbá, em particular. Com contínuo reveze em sua luta por melhores dias, Luciana Cândia, dirigente da Rede Feminina de Combate ao Câncer, elabora exaustiva programação de trabalho junto aos órgãos competentes. Hercúleo trabalho de bastidores, nem sempre apoiado com a devida atenção que o caso merece.

SÉTIMO DIA – A presente temporada do BBB mandou algumas dicas para futuras Valdirenes se enquadrarem no processo de seleção para o programa. Seja porta estandarte ambulante de ilustrações de tatuagens; pinte o cabelo de loiro; inscreva-se numa academia de ginástica e ligue-se no conselho do poetinha: “as feias que me desculpem, mas beleza é fundamental”. Não precisa ler livros nem informar o nome constante do registro de nascimento do argentino que se tornou Papa.

CLAREVIDÊNCIA - O iluminado eliminado do BBB14 Allison deu histórica declaração sobre sua saída da ‘atração’ da rede Globo. “Acho que eu teria mais chances se tivesse menos participantes”. Continue espiando.

NOM PASSARAM – O repórter Fábio Panunzzio, da Band, teve negado o visto de entrada em Cuba – para acompanhar a visita de Dilma Rousseff ao quadrilátero dos irmãos Castro. Razão: anteriormente teria feito matéria nada abonadora ao regime imposto pelos fratelos mencionados. É a democracia dos ditadores.

VC NA COLUNA – “O ilustre colunista está equivocado ao afirmar que os cronistas esportivos terão apenas 60 dias de trabalho e depois férias e feliz 2015. Em nossa programação estão até dezembro, um total de 93 transmissões ao longo do ano. Campeonato Estadual, Copa Verde, Copa do Brasil, Boletins da Copa do Mundo, Campeonato Brasileiro da Série D (Jogos do Cene) Taça Libertadores da América e Campeonato Brasileiro da Série A. Encerramento das atividades dia 12 de Dezembro de 2014. Falo como Coordenador da Equipe de Esportes da Rádio Capital AM 930. Aí sim férias. Grande abraço. Ramão Cabreira

R DO R – Vale a certeza de que leitores entenderam que a nota sobre o Feliz 2015 referia-se –única e tão somente- ao campeonato de futebol sul-mato-grossense que faz parte da grade de programação da TV Morena. Retribuo o abraço, ilustre Ramão Cabreira.

VC NA COLUNA II – “Reinaldo, acho que TV Guanandi é com "i" no final e não "y". Monique Santos

R DO R – Você acha que é ‘i’ no final e não ‘y’. Eu acho que é ‘y’ no lugar do ‘i’. Temos algo em comum, cara Monique; o achismo. Um abraço e continue com sua importante participação. Tenho certeza dela.

VC NA COLUNA III – “Agora sim é que as TVs concorrentes deveriam aproveitar e melhorar as programações. É prá acabar; não aguento ver TV, essa Globo é uma "m" e o povo não sai da frente dessas programações horríveis. Saudades do tempo em que se passava tudo direto, agora não da prá esperar a hora e ver programa já gravado, quem tem que levantar cedo não consegue esperar. Juracy Ribeiro

Programa resgata causos do futebol regional
CONTA OUTRA – O futebol sul-mato-grossense – graças a alguns – vive na história do torcedor local. Jogadores, dirigentes e técnicos estão no ‘Conto d...
Público dando um show no futebol de MS
QUEM NÃO AJUDA – Domingo de ‘Comerário’ no Morenão. Se dependesse apenas dos torcedores, o futebol de Mato Grosso do Sul teria vida longa no cenário ...
Caso da primeira-dama hackeada passou batido
EMPODERADO II – Talmir Nolasco, outro personagem histórico do rádio de MS, ‘deu um tempo’ aos microfones. Depois de atuar na campanha eleitoral do PS...
Rádio local disputa espaço com futebol na TV fechada
EMPODERADO – Personagem da história do rádio sul-mato-grossense, Nivaldo Mota atualmente dedica o talento em outras ondas. Em tempo real, entrevista ...



Tô contigo Marcelinho Guess.....
Infelizmente é a assim mesmo. Que pena né?
Até poderia ser diferente, mas porém contudo e entretanto......
 
Ricardo Piazza em 21/01/2014 15:36:50
A coisa tava tão ruim na rádio capital AM, que tiraram a equipe do Cabreira do ar no domingo será que foi isso que aconteceu? pensa na transmissão ruim, começou no sábado, A TRAGÉDIA, os caras querem mais criticar do que falar de futebol nada tá bom para os repórteres do Ramão Cabreira, falando em Ramão Cabreira, poxa Ramão,se o verdadeiro "CAIXA" lá das MINAS GERAIS,já é duro de aguentar imagine a cópia mal feita, poxa você diz que é jornalista narrador pós graduado e o cambal, ai vem imitar o CAIXA, poxa cria alguma coisa nova, e se imitar, VÊ SE MELHORA POR FAVOR NÉ NINGUEM MERECE..Quem pode me dizer quem é esse repórter esportivo chamado TIAGO FARIAS, de onde ele saiu heim ? será que alguêm pode me responder, o cara quer dar um de Milton Neves o sabichão, humildade ZERO. ABRAÇOOOOO
 
Marcio Cenista em 20/01/2014 21:45:10
Começooooooou pessoooooal, quem tem lata pra vender vende, Vamos lá TV MORENA MAIS UM FIASCO, do que adianta tanto recurso se o produto final é uma Meer......, o que que isso? narração comentário reportagem, será que pra a equipe toda fazer um cursinho básico na REDE..... H.O.R.R.I.V.E.L...... e estão anunciando quarta feira 21 horas tem mais......ABRAÇO.

 
Romildo Guedes em 20/01/2014 21:31:15
Totalmente discrepante, absurdamente incompatível e desnecessária a grandiosidade da estrutura técnica montada pela TV Morena para a transmissão dos jogos no MS, em se comparando aos resultados do futebol que apresentam as equipes, a qualidade da narração os comentaristas e a baixa audiência dos jogos. Chega a ser ridículo e beira a ostentação o desperdício e esbanjamento de equipamentos. Mas provavelmente deve fazer parte dos testes e ajustes dos equipamentos que a Rede Matogrossense investiu e disponibilizara a Globo na Copa do mundo em Cuiabá…
 
Murilo Carzo em 20/01/2014 20:15:22
Primeiramente, duvido que tivessem 1000 pessoas no Morenão!! No máximo umas 400/500(contando com policiais, seguranças, cronicas esportiva etc). Essa dúvida poderia ser tirada se esse campeonato dirigido pelo "eterno Cesário", tivesse um mínimo de organização e seriedade, a começar mostrando o "borderô" do jogo, onde se veria a real renda e o verdadeiro público pagante, se é que as catracas do estádio estão funcionando! Para acrescentar ao raciocínio do amigo Gilson Giordano, vou dar alguns números do campeonato Goiano que se iniciou, também, neste ultimo fim de semana, e que é o mais próximo a ser comparado com o nosso: Vila NovaXAnápolis-4.800 pagantes, Aparecidense e Atlético Goianiensse-2.100 pagantes, AnapolinaxGoias-8.045 pagantes.
 
MARCELLO MENDES em 20/01/2014 16:47:36
Quanto ao tópico Rolezinho... eu só ACHO o seguinte: Pessoal inclusive quem faz matéria esportiva.... insiste em criticar o público no Morenão, mesmo com a força da crônica esportiva e os demais - permita-me chamá-los de colegas - é verdade o público é pequeno. Mas, no entanto, pessoal, veja por favor, também os públicos nos demais campeonatos, a crise de público não é apenas aqui em Campo grande especificamente. Pare com isso! eu apanhei rapidamenmte aqui nas minhs informaçoes o público de Flamengo x AUDAX (grande AUDAX), foi de 10 mil pessoas; Fluminense x Madureira: 2.826 e Vasco x Boavista 5.763 e em Campo Grande tem uma população FLUTUANTE de pouco mais de um milhão de habitantes contra 6.320.436 mil pessoas, no Rio de Janeiro.. e o público da Copinha? Fale disso também!
 
Gilson Giordano em 20/01/2014 10:25:53
Me desculpe a sinceridade, mas as respostas acima nesta coluna transparecem um colunista que não aceita ser corrigido.
 
Marcelinho Guess em 20/01/2014 09:44:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions