A notícia da terra a um clique de você.
 
05/02/2015 10:48

Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro

Mário Sérgio Lorenzetto
Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro

Furto, roubo, alarme e a agenda do ladrão de carros

Veja Mais
Prefeituras iniciam decretos de calamidade financeira
O ronco da barriga é o fator decisivo

Uma boa notícia para quem se preocupa com o roubo de seu carro: está cada vez mais difícil ver seu automóvel sumir na rua. Aquela figura do ladrão entrando em seu carro usando uma "mixa" (chave falsa), puxava alguns fios e fazia uma ligação direta está cada vez mais rara. A evolução do aparato antifurto - chaves sofisticadas, alarmes e bloqueadores - tornou a vida dos ladrões mais difícil. O furto (sem ação violenta) está desaparecendo. Mas, agora, a má notícia: essa mudança na parafernália do carro levou a um crescimento no número de roubos (com ameaça ou ação violenta) colaborando para o aumento da violência nas cidades.

O dia preferido do ladrão é a quarta-feira, com mais de 16% dos roubos, enquanto o domingo é o dia de menor índice com 12%. Os "plantões dos ladrões" ficam próximos a bares e restaurantes. Campo Grande não entrou na onda dos roubos nas proximidades dos semáforos (mas é bom ficar atento). O horário predileto do ladrão fica entre 18 horas e 22 horas, com 41% das ocorrências, e também é aquela hora que você não encontra um policial nem rezando para todos os santos. O período entre a meia noite e as 06 horas é o mais tranquilo, com 11% dos roubos (mas tal qual a vigilância nas proximidades dos semáforos é sempre bom estar alerta).

Quem compra um seguro não entende o motivo de em uma seguradora seu automóvel pode ter uma apólice muito cara e em outra tem um preço mais razoável. O motivo é a base de dados de cada uma delas. Se na seguradora 1, em um determinado período, o carro X foi mais roubado que na seguradora 2, obrigatoriamente o valor da apólice será maior. Portanto, sempre é conveniente para seu bolso pesquisar o valor das apólices em várias seguradoras antes de fechar negócio. Mas também é importante ter seu carro segurado por ser um patrimônio caro.

Enquanto a polícia corre atrás dos ladrões os números de furtos e roubos ainda são assustadores. Algo como 400.000 veículos desaparecem no Brasil por ano para sempre, são desmanchados ou levados para os países vizinhos. Quem compra peça de desmanche ajuda a alimentar essa indústria que amanhã poderá estar batendo em suas portas com uma enorme pistola.
A instalação de um alarme no carro é um dos primeiros passos para quem comprou um automóvel. Seja por insegurança, medo de vandalismo, tranquilidade ou simplesmente para abaixar o preço do seguro. É importante saber que existe o alarme perimétrico, mais comum nos carros zero km - ele monitora apenas a abertura indevida das portas. O porta-malas e o capô não estão protegidos. Bem claro, o ladrão pode entrar no seu carro pela traseira ou roubar peças pela frente. Outro alarme é o volumétrico, utiliza um sensor ultrassônico que emite ondas sonoras para monitorar qualquer movimento dentro do carro. Se uma janela for violada, o alarme dispara. Também existe o acelerômetro, que é um sensor de movimento, dispara o alarme em qualquer movimento que o carro fizer, mesmo que seja levado por um reboque ou guincho o barulho despertará a atenção.

Mas, cuidado, há um engano recorrente de que travamento por controle das portas é igual a alarme. Não é. O travamento por controle é apenas uma comodidade e não confere segurança alguma. Outro engano comum é sobre a possibilidade do ladrão conseguir identificar a frequência de onda emitida pelo controle do alarme. Hoje, todos os alarmes saem com um algoritmo específico para cada equipamento aumentando enormemente a segurança prometida por eles.

Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro
Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro

Os crimes não denunciados

A polícia norte americana divulgou a porcentagem de crimes não denunciados. Furto e estupro são os campeões com taxas muito elevadas de pessoas que preferem a omissão ao invés de levar o caso à polícia. Os casos mais denunciados à polícia são o de roubos de carros e assaltos graves. Para chegar aos percentuais divulgados os agentes policiais ligaram para 90 mil residências perguntando se algum morador tinha sido vítima de crime no ano anterior. Os EUA fazem essa estatística desde 1990. Não há trabalho similar no Brasil.

Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro
Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro

19 cidades brasileiras estão no ranking das 50 cidades mais violentas do mundo

A lista das 50 cidades mais violentas do mundo, feita pela ONG Conselho Cidadão pela Seguridade Social Pública e Justiça Penal, traz uma má notícia para o Brasil, estamos com 19 cidades nesse fúnebre ranking. Três cidades são estreantes: Teresina, Porto Alegre e Curitiba; as outras 16 cidades são assíduas nesse estudo.

A cidade brasileira mais violenta é João Pessoa, capital da Paraíba que tem taxa de homicídio de 79,41 (número de homicídios por 100 mil habitantes), isto é: mataram 620 pessoas em uma população de 780 mil. João Pessoa ocupa o quarto lugar no ranking mundial.

Em seguida aparecem: Maceió (sexto lugar no ranking mundial e taxa de 72,91), Fortaleza (oitavo lugar e taxa de 66,55), São Luís (décimo lugar e taxa de 64,71), Natal (décimo primeiro e taxa de 63,68), Vitória (décimo quinto lugar e taxa de 57,00), Cuiabá (décimo sexto e taxa de 56,46), Belém (décimo oitavo e taxa de 53,06), Teresina (vigésimo lugar e taxa de 49,49), Goiânia (vigésimo terceiro e taxa de 44,82), Recife (vigésimo nono e taxa de 39,05), Campina Grande (trigésimo lugar e taxa de 37,97), Manaus (trigésimo terceiro e taxa de 37,07), Porto Alegre (trigésimo sétimo e taxa de 34,65), Aracaju (trigésimo nono e taxa de 34,19), Belo Horizonte (quadragésimo segundo e taxa de 33,39), Curitiba (quadragésimo quarto e taxa de 31,48) e Macapá (quadragésimo sexto e taxa de 28,87).
Campo Grande não faz parte dessa lista da desgraça. Está muito distante dos primeiros posicionados tanto na lista mundial como na nacional. A taxa de homicídios de nossa capital é de 18,74 óbitos com milhares de municípios através do mundo em pior situação. A média brasileira de homicídios é de 26,99. Campo Grande ocupa a posição 1.818 no ranking nacional. É efetivamente uma capital que faz jus à fama de provinciana e tranquila, ainda que alguns desejem manipular a realidade. Basta comparar com nossas vizinhas Cuiabá e Goiânia para enxergarmos a realidade: para cada pessoa morta em Campo Grande, matam 3 em Cuiabá e quase 2,5 pessoas em Goiânia. E mais, nos últimos 15 anos o número de homicídios em nossa cidade vem caindo consideravelmente, a curva mostra uma queda contínua, rápida e permanente.

Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro
Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro

Campo Grande, a "Capital dos Pernilongos"

Na época do André Puccinelli, Campo Grande se orgulhava de ser a "Capital do Ipês". Passados alguns anos um debate público a enalteceu como a "Capital das Orquídeas". Nos últimos dias uma nuvem de mosquitos tomou a cidade de assalto. Viramos a "Capital dos pernilongos". O que aconteceu? "Aparentemente o poder público está cuidando da limpeza da cidade" (capim com um metro de altura é baixo de acordo com as regras da turma do Olarte), as chuvas não estão batendo recordes, o calor é elevado mas os termômetros não enlouqueceram...Restam duas hipóteses: os pernilongos estão rindo dos venenos e os proprietários de terrenos baldios estão de férias.

Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro
Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro

Santa ignorância! Está provado: a nossa burrice é convicta

Com certeza você sabe o que é "força centrípeta". Ainda que não recorde bem, também deve saber o que é um "fóton". Mas, vejamos: você sabe o que é "cholarine" ou "pratos de parallax"? Pois é, você não sabe o que é isso. Mas não se preocupe, ninguém sabe o que significam essas duas palavras. Elas foram inventadas. O interessante é que em uma pesquisa mundial a maioria das pessoas afirmou que sabiam do que se tratava.

O problema é que as pessoas tomam decisões a partir do que acham que sabem, em vez de basear-se em fatos verdadeiros e em pesquisas. Tem até um nome para esse comportamento - efeito Dunning-Kruger: a incapacidade de perceber os limites do próprio conhecimento. Esse efeito leva as pessoas com menos informações a acreditarem que sabem mais do que aqueles realmente entendidos.

Na última campanha eleitoral, muito marqueteiro malandro se aproveitou da guerra de informações falsas para manipular dados e convencer o eleitor a votar no seu candidato. Mas o problema não é apenas brasileiro, é mundial.
Uma pesquisa da consultoria Ipsos Mori procurou medir a "santa ignorância" nos países mais desenvolvidos do mundo. A primeira pergunta era: "De cada 100 pessoas, quantas você acha que estão desempregadas e procurando trabalho?" A maioria não só errou, mas errou muito. Os italianos disseram que eram 49, quando em verdade são 12. Os norte americanos afirmaram que são 32, quando em verdade são 6, os franceses disseram que o número é de 29, quando o correto é 9, os espanhóis garantiram que estão desempregados 46 e o correto é 25.E esta é apenas uma das perguntas que a consultoria fez. Há outras mais, como a percentagem de garotas com idade entre 15 e 19 anos que dão à luz anualmente, tem outra sobre religião e uma última sobre o número de imigrantes no seu país. Os erros foram enormes. Provaram a nossa burrice e pior, constataram que ela é convicta. Acostumem-se este é o século XXI. Se tivemos o século das luzes e da sabedoria. Como poderemos denominar este em que vivemos?

Dias e horários agendados para ladrões roubarem seu carro



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.