A notícia da terra a um clique de você.
 
26/01/2014 07:56

Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto

Mário Sérgio Lorenzetto
Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto

As solas mais desejadas e sua inspiração inusitada

Veja Mais
Prefeituras iniciam decretos de calamidade financeira
O ronco da barriga é o fator decisivo

Os sapatos Louboutin estão nos pés de todas as estrelas e é a grife mais desejada do mundo pelas mulheres. Angelina Jolie, Nicole Kidman e Sarah Jessica Parker abrem a fila das estrelas com Louboutin nos pés. Ao preço médio de R$ 3 mil no Brasil, estes sapatos têm na sola vermelha sua marca característica além dos saltos altíssimos que as mulheres julgam enriquecer a vaidade. Christian Louboutin é hoje um milionário da moda. Dono de 35 lojas próprias e presente em mais de 51 países por meio de grande magazines, comercializa suas peças por não menos de US$ 1 mil o par na Europa e nos EUA.

Esse parisiense de 50 anos diz que foi inspirado pelas dançarinas de clubes noturnos, quando criança. Sonhando em ser sapateiro, passava muito tempo desenhando e inventando sapatos. Sem loja, ele ia a cabarés e boates para vender seus sapatos e observava que as mulheres ficavam nuas, mas continuavam calçadas. A sola vermelha foi um acaso, com o esmalte de unhas de uma funcionária, ele teve a ideia de pintar a sola. Nascia, sua marca que ele diz ser a alma de seus sapatos. Ele afirma que seu principal objetivo é deixar as mulheres o mais sexy possível.

 

Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto

Louboutin é admirado no mundo da moda por saber captar os desejos de uma mulher

Em sua nova coleção ele explora o colorido da estação e abusa da sensualidade feminina. Neste mês chega o Impera, feito de couro, seu recorte parece formar uma tatuagem sobre os pés, mas seu encanto está mesmo no estilo com cordas que amarram nas pernas. O modelo evoca ao romantismo da sapatilha de uma bailarina ao mesmo tempo em que faz lembrar o fetiche de um bondage, esta a proposta do Louboutin. Acessório ideal para o verão de quem tem dinheiro.

Para os homens europeus, as novas coleções copiam os antigos dândis e reis franceses. A London Collections 2014 determina saltos altos. Qualquer semelhança com o personagem de telenovela – o entojado Félix (Mateus Solano) – não é mera coincidência. A moda também remete a um personagem que marcou a história do vestuário “o Belo Brummell”, o inglês George Bryan Brummell que foi o precursor do estilo dândi que significa no mundo da moda uma atenção quase maníaca com os detalhes das roupas. Ele pregava que os homens deveriam tomar três banhos por dia com a troca de toda a roupa. Na Europa, onde dificilmente existe o hábito de um banho por dia, é o pai dos dândis.

Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto

Feminilidade brasileira seduz mulheres da França e de todo o mundo

Anne Fontaine nasceu no Rio de Janeiro, mas está há 24 anos na França, onde recebeu o apelido de “rainha das camisas brancas”. O negócio foi iniciado há 13 anos por acaso, quando a estilista encontrou modelos antigos em um baú da família do marido, que é francês. Desenhou muito e dá uma dica: “uma camisa pode se transformar em dez”. E pode. Para mulheres que gostam de estar bem vestidas e têm como característica a elegância, não é preciso recorrer a muitas peças, basta trocar acessórios de um modelo básico e aplicar dobras diferenciadas nas mangas. Camisa feminina impõe um look de responsabilidade e essas chegam custar entre US$ 300 a US$ 500.

Outro ensinamento de Anne Fontaine está na democracia da peça. Não é preciso estar em forma e ter o corpo da Olívia Palito para usar. Aliás, a camisa pode contribuir para reduzir visualmente quem a usa. E esses conselhos que parecem simples fizeram a estilista faturar e muito, sendo uma das mais respeitadas no setor. São 69 lojas espalhadas pelo mundo. Uma elas fica na cidade natal, o Rio. O sucesso de Fontaine não depende, contudo, somente das camisas. Também existem tops, vestidos, bolsas, cintos, coleiras, abotoaduras, óculos de sol e pulseiras.

Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto
Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto

Mais um jornal americano planeja inserção em mercado emergente

Desta vez é na Índia, onde o jornal digital americano "Huffington Post" planeja lançar até maio uma versão em parceria com o jornal indiano "Deccan Chronicle". O site, para quem não conhece, reúne notícias produzidas por blogueiros. Na próxima semana inicia as atividades no Brasil, onde fez pareceria com o Grupo Abril. O "Huffington Post" também está no Reino Unido, França, Canadá e Espanha.

Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto
Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto

Estagiários e trainees: como se dar bem em 2014

As aulas ainda não começaram e isso significa que ainda dá para correr atrás de um estágio, possível para a maioria das profissões regulamentadas. Estagiar, porém, não é garantia de inserção no quadro funcional da empresa, mas não significa que também não seja possível. Assim, há dicas que podem ser seguidas por quem quer passar direto do estágio para o emprego.

1) Procure a universidade para saber quais são as empresas que atuam com estágio e que você pode se inserir. Uma passeada na Internet também ajuda. Entre mais conhecidas e conceituadas intermediadoras estão o IEL, que é a indústria (www.portaldaindustria.com.br/iel/) e o CIEE (Centro de Integração Empresa Escola –www.ciee.org.br).

2) Pense em que empresas gostaria de trabalhar e procure conhecer. Tente saber a forma de ingresso, se há processo seletivo ou a pode haver comunicação direta. Opte pelas empresas que respeitam a lei do estágio, as intermediadoras podem te auxiliar neste quesito.

3) Já na empresa, ser proativo é sempre um ponto positivo, mas só diga e faça o que tem certeza. Se tiver dúvida, pergunte.

4) Planeje e tente seguir. Procure fazer cursos rápidos, a USP (www.usp.br) oferece diversas oportunidades gratuitas e on-line. Não pare.

Sapatos femininos para o fetiche e homens de salto alto



imagem transparente

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2016 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.