A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016


  • Finanças & Investimentos
  • Finanças & Investimentos

    Emanuel Steffen - www.mayel.com.br


21/02/2014 08:05

3 máximas financeiras para você abolir

(*) Emanuel Gutierrez Steffen

Quando o assunto é finanças pessoais, o que não falta são ditados populares e crenças passadas de gerações para gerações. Tais máximas estão tão presentes no dia-a-dia que muitos deixam de pensar sobre elas antes de a seguirem com afinco. A seguir você vera alguns exemplos de “máximas financeiras” que são capazes de causar um grande estrago em suas finanças se não forem repensadas. Vejam abaixo quais são elas:

Veja Mais
Qual é a melhor hora para comprar?
Analfabetismo financeiro em alta na era da informação

1. "Quanto mais dinheiro ganho, mais serei feliz": A primeira máxima merece destaque, pois é um tipo de pensamento muito comum. O pensamento de que a quantidade de dinheiro que você ganha está diretamente relacionada ao que você tem. Às vezes, pessoas que ganham muito dinheiro também gastam muito. Assim geralmente quando o salário aumenta, o estilo de vida tende a crescer junto. O que importa mais é a forma de como você administra seu dinheiro. Além disso, mais dinheiro não significa mais felicidade. Há pesquisas que mostram que a felicidade está mais relacionada ao uso do dinheiro (com o que você o gasta) do que com o ganho, em si.

2. “Meus filhos devem ser minha prioridade financeira”: Como um pai ou mãe exemplar, sua responsabilidade é certificar que seus filhos estão vestidos e alimentados, oferecendo conforto dentro das possibilidades. Porém, quando se trata de objetivos financeiros de longo prazo, como poupar dinheiro para a faculdade deles em vez de sua aposentadoria, é preciso repensar. Há financiamentos estudantis, além de universidades públicas. Mas não há empréstimos para a aposentadoria, e esta regra também se aplica às coisas materiais que o seu filho pede, mas que você não pode pagar por elas, como roupas de grife ou um carro. Definir limites quando se trata de finanças faz parte do aprendizado.

3. “O dinheiro é a raiz de todo o mal”: É preciso entender que esse raciocínio pode prejudicar todo seu potencial de crescimento na carreira. Este na verdade é um tipo de pensamento limitante. O dinheiro, por si só, não é bom nem ruim - o que você fará com ele é que importa. Certamente, podemos encontrar muitos exemplos de pessoas ricas e corruptas e dizer que o dinheiro corrompe as pessoas. Mas também podemos apontar exemplos de pessoas ricas que utilizam o dinheiro de uma forma positiva, como Bill Gates.

O importante é lembrar que dinheiro é uma questão de escolha e você pode usá-lo para alcançar seus objetivos. E você amigo leitor o que achou? Você conhece mais alguma máxima a ser derrubada também? Não deixe de comentar sua participação é muito importante. Até a próxima!

(*) Informações finanças/yahoo.

Disclaimer – A informação contida nestes artigos, ou em qualquer outra publicação relacionada com o nome do autor, não constitui orientação direta ou indicação de produtos de investimentos. Antes de começar a operar no SFN - Sistema Financeiro Nacional o leitor deverá aprofundar seus conhecimentos, buscando auxílio de profissionais habilitados para análise de seu perfil específico. Portanto, fica o autor isento de qualquer responsabilidade pelos atos cometidos de terceiros e suas consequências.

(*) Emanuel Gutierrez Steffen – Criador do portal www.manualinvest.com

Qual é a melhor hora para comprar?
Quando fui convidado a escrever este artigo para o Dinheirama, pelo Renato De Vuono, encarei isso como um grande desafio. Intuitivamente, e para ser ...
Analfabetismo financeiro em alta na era da informação
Vamos fazer uma viagem ao passado? Anos 70, que tal? Neil Armstrong chegará à Lua.“Um pequeno passo para o homem, um grande salto para a humanidade”....
Armadilha das promoções: qual a lógica do “tão barato”?
Semana começando! E essa, em especial, após a “black friday”! E aí? Rolando uma “black ressaca” financeira, ou você conseguiu controlar esses instint...
Não supervalorize coisas
Um experimento social muito famoso, executado em diversos países e no Brasil, relaciona dois grupos de indivíduos: o primeiro grupo ganha um objeto e...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions