A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Setembro de 2016

12/02/2015 18:19

Após duas altas, dólar tem maior queda desde novembro e fecha a R$ 2,8218

Vanda Escalante

Depois de registrar duas altas seguidas, o dólar comercial fechou em baixa de 1,85% nesta quinta-feira (12), cotado a R$ 2,821 na venda. É a maior queda percentual diária desde 21 de novembro do ano passado, quando o recuo foi de 2,05%. Na véspera, o dólar havia subido 1,33% e atingido o maior valor de fechamento desde 19 de outubro de 2004.

Veja Mais
Greve dos bancários chega ao 19º dia com 144 agências sem atendimento
FCO amplia acesso para empresas que faturam até R$ 16 milhões por ano

O resultado desta sessão foi influenciado pelo cenário internacional. Investidores estavam otimistas após o banco central da Suécia cortar sua principal taxa de juros e anunciar um novo pacote de estímulos. Também contribuía com o otimismo do mercado o acordo de cessar-fogo na Ucrânia.

No fim da manhã, a queda do dólar ganhou mais força após números indicarem fraqueza nos gastos do consumidor e aumento dos pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos.

Dados fracos sobre a economia norte-americana costumam gerar uma queda do dólar, pois isso sugere que o Federal Reserve (Fed, banco central do país) levará mais tempo para começar a subir as taxas de juros. Juros mais altos nos EUA preocupam investidores, pelo risco de atrair para lá recursos atualmente aplicados em países onde os rendimentos são maiores, como é o caso do Brasil.

Atuação do BC no mercado de câmbio
No contexto brasileiro, o BC (Banco Central) manteve seu programa de intervenções no mercado de câmbio, mas agora com metade da oferta.

Foram vendidos 2.000 contratos de swap cambial tradicional (equivalentes à venda futura de dólares): 900 com vencimento em 1º de dezembro deste ano e os outros 1.100 para 1º de fevereiro do ano que vem.

O BC também realizou mais um leilão para rolar os contratos que vencem em 2 de março. Foram vendidos 13 mil contratos: 5.600 para 1º de abril de 2016 e 7.400 para 1º de junho do ano que vem.

A operação movimentou o equivalente a US$ 628,2 milhões. Ao todo, o BC já rolou o equivalente a US$ 5,677 bilhões, ou cerca de 54% do lote total, correspondente a US$ 10,438 bilhões.

(Com Portal Uol)

FCO amplia acesso para empresas que faturam até R$ 16 milhões por ano
Foi aprovado nesta semana pelo Ceif (Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis) do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) ...
Dólar comercial fecha a semana em queda e cotado a R$ 3,24
Após duas altas seguidas do dólar comercial durante a semana, a moeda norte-americana fechou nesta sexta-feira (23) cotado a R$ 3,247 na venda e com ...
Desemprego desacelara, e MS cria mais 1.077 vagas de trabalho em agosto
Mato Grosso do Sul abriu 1.077 empregos formais a mais no mês de agosto -equivalentes ao acréscimo de 0,21% -, em relação ao estoque de assalariados ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions