A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Setembro de 2016

07/02/2015 10:53

Após subir mais de 50% em 2014, preço da carne bovina começa a cair

Caroline Maldonado
(Foto: Marcos Ermínio)(Foto: Marcos Ermínio)

Depois de um ano de alta nos preços, em que os valores de alguns cortes de carne bovina e de frango encareceram mais de 50%, o consumidor encontrou, em janeiro, oito peças com preço menor em relação a dezembro do ano passado, segundo levantamento do Nepes (Núcleo de Estudos e Pesquisas Econômicas e Sociais) da universidade Anhanguera-Uniderp.

Veja Mais
JBS investe R$ 30 mi em unidade para exportar carne para Europa e Rússia
Campeão no consumo de carne gorda, MS precisa mudar os hábitos

O quilo do contra-filé, que até dezembro custava R$ 21,63, caiu para R$ 18,99, uma redução de 12,21%. O patinho, que chegou a R$ 19,01, agora saiu por R$ 16,77 o quilo, o que representa queda de 11,78%.

O lagarto, caiu 6,79%, passando de R$ 17,97 para 16,75; o coxão mole ficou 6,66% mais barato, saindo de R$ 18,47 para R$ 17,24 e a agulha caiu 6,51%, de R$ 12,59 para R$ 11,77. O preço do cupim passou de R$ 15,74 para R$ 14,62, redução de 7,12%; a picanha caiu 4,83%, de R$ 32,68 para R$ 31,10 e o musculo barateou 1,7%, de R$ 12,36 para R$ 12,15.

Tiveram alta nos preços, nesse período, apenas a alcatra (3,88%), a costela (2,75), o fígado (3,11), o filé mignon (15,21%), a paleta (4,7%), o o peito (1,47%).

Dentre os cortes suínos pesquisados, dois registraram queda nos preços de dezembro para janeiro deste ano. A costeleta fresca ficou 14,62% mais barata e o quilo do pernil caiu 1,19%. O preço da bisteca subiu 2,27%.

Frango – Em 2014, a alta no preço da coxa e sobrecoxa chegou a 85,3%. Em janeiro do ano passado, o produto custava em média R$ 7,55, mas encerrou o ano a R$ 13,99, o quilo. Já o peito de frango sem osso subiu 2,77% no decorrer do ano, passando de R$ 12,11 para R$ 12,45.

Em contrapartida, alguns cortes contabilizam redução de preço no último ano. São eles, a coxinha da asa (-16,47%), coxas (-5,04%), peito (-3,95) e as asas (-2,55).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions