A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Setembro de 2016

25/02/2015 10:55

Arrecadação de impostos e de contribuições teve queda de 5,44%

Daniel Lima, da Agência Brasil

O governo federal arrecadou R$ 125,282 bilhões em termos nominais (sem descontar a inflação) em impostos e contribuições em janeiro de 2015. Em termos reais, ou seja, já descontada a inflação, o resultado representa queda real de 5,44% em relação ao mesmo período de 2014. Foi o pior resultado desde 2012, quando – em janeiro – foram arrecadados R$ 123,181 bilhões. Os dados foram divulgados hoje (25) pela Receita Federal.

Veja Mais
Arrecadação federal cresce 14,76% em outubro e soma R$ 589,6 milhões
Arrecadação federal de MS cresce 20% em setembro em relação a agosto

De acordo com o órgão, o fator que mais contribuiu negativamente para o resultado da arrecadação das receitas administradas pelo órgão, em janeiro, foi a redução, em relação a janeiro de 2014, no valor dos pagamentos de impostos efetuados por estimativa. Tais pagamentos obrigam o contribuinte a ajustar o total de pagamento de impostos no final de um determinado período.

Houve queda de 12,16% na arrecadação do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido, reduzidas de R$ 36,3 bilhões para R$ 31,9 na comparação entre janeiro de 2014 para o mesmo período de 2015. Esses tributos representam 87,18% na arrecadação das receitas administradas pelo Fisco.

De acordo com a Receita, entre os principais fatores macroeconômicos que influenciaram a arrecadação está o desempenho dos principais indicadores macroeconômicos – incluindo a produção industrial, com queda de 2,7% na comparação de janeiro de 2015 com janeiro de 2014 e a queda na venda de bens e serviços (-2,2% na mesma comparação).

Arrecadação federal cresce 14,76% em outubro e soma R$ 589,6 milhões
A arrecadação de receitas federais em Mato Grosso do Sul totalizou R$ 589.464.403 em outubro deste ano. O valor é 14,76% maior em relação ao mesmo mê...
Arrecadação federal de MS cresce 20% em setembro em relação a agosto
A arrecadação de receitas federais em Mato Grosso do Sul somou R$ 584 milhões em setembro, 20% a mais que o montante de agosto que chegou a R$ 483 mi...
Com cautela no exterior, dólar fecha praticamente estável a R$ 3,24
Com uma leve alta de 0,01% o dólar comercial fechou nesta segunda-feira (26) praticamente estável, cotado a R$ 3,247 na venda. Na última sexta-feira ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions