A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

26/08/2015 18:16

Azul Linhas Aéreas começa a vender passagens da United Airlines

Jean Sampaio

A partir deste mês, a companhia aérea Azul passa a vender passagens aereas para os destinos atendidos pela United Airlines. Através de um acordo de interline, os canais de venda da Azul, como o site e o call center, estão abertos para os usuários que desejam ser atendidos pela empresa dos Estados Unidos combinada com a companhia brasileira.

Veja Mais
Após dois dias, negociação 'trava' e greve dos bancários continua
Bancos repetem proposta de reajuste de 7% e negociação prossegue

A parceria entre as aéreas, anunciadas em junho deste ano, permite que viajantes da Azul se conectem com os destinos oferecidos pela empresa norte-americana, o que possibilita apenas um único check-in para todos os trechos com retirada de bagagem apenas no destino final ou no primeiro ponto de conexão no Brasil ou nos EUA. Em um primeiro momento, estarão disponíveis 35 destinos no sistema da Azul, com o objetivo de alcançar 350 cidades atendidas pela United em parceria com a companhia aérea nacional.

Para o presidente da Azul, Antonoaldo Neves, a parceria aumenta o alcance das companhias e facilita a vida do passageiro na hora da compra de passagens aereas e da viagem. "A Azul conta agora com o apoio da United para expandir largamente suas fronteiras e a de seus clientes. Ao lado de uma das maiores empresas aéreas do mundo, podemos levar viajantes de São Paulo a Tóquio ou do interior do Rio Grande do Sul a Nova York com todo o processo de compra e check-in realizado por meio da Azul. Em suma, a parceria entre as empresas facilitará o acesso dos brasileiros às mais diversas localidades dos Estados Unidos e dezenas de países servidos pela United”, comemorou em comunicado.

Em breve, Azul e United deverão anunciar um acordo de codeshare, sujeito à aprovação do governo brasileiro. As duas empresas pretendem compartilhar seus códigos de voo em rotas entre o Brasil e os Estados Unidos. Em junho, a United investiu US$ 100 milhões em troca de 5% do valor econômico da Azul Linhas Aéreas.

Bancos repetem proposta de reajuste de 7% e negociação prossegue
A Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) e o Comando Nacional dos Bancários retomaram a 9ª rodada de negociações nesta quarta-feira (28) em São Paul...
Após segunda queda consecutiva, dólar fecha cotado a R$ 3,22
O dólar comercial inverteu o movimento no final da tarde, após operar em alta durante quase toda a sessão. A moeda norte-americana fechou esta quarta...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions