A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Setembro de 2016

08/11/2015 14:40

Bernal diz que vai verificar motivo que ocasionou “tarifaço” de imóveis

Flávia Lima e Juliana Brum
Prefeito diz que vai apurar causas do tarifaço. (Foto:Arquivo/Campo Grande NewsPrefeito diz que vai apurar causas do "tarifaço". (Foto:Arquivo/Campo Grande News

Durante vistoria em asfalto que cedeu no Bairro Bonanza, na manhã deste domingo (9), o prefeito Alcides Bernal disse que vai apurar qual motivo ocasionou o "tarifaço" no valor de imóveis da Capital. Nesta semana, em seis dias, o preço de um terreno, para cálculo dos tributos municipais, teve aumento de 116%.

Veja Mais
Bernal antecipa tarifaço e eleva valor de imóvel em até 116% para cobrar ITBI
Técnicos sugerem aumento de 20% do IPTU, mas Bernal descarta tarifaço

Matéria publicada pelo Campo Grande News esta semana, relata o caso de uma corretora que constatou a alteração do valor de um imóvel, que custava R$ 30 mil, subir para R$ 64,8 mil. Sem querer se identificar, ela contou que no dia 29 de outubro foi ao cartório agendar a transferência e passar o orçamento de quanto ficaria o valor do ITBI (Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis), ao comprador.

Segundo ela, o valor da documentação ficaria em R$ 2,5 mil, mas no dia 4 de novembro, ao chegar ao cartório como cliente, o terreno havia sofrido uma supervalorização. Com isso, a documentação passou a custar R$ 5,5 mil. Só de ITBI a prefeitura elevou o valor cobrado de R$ 600 para R$ 1.296, conforme relato da corretora.

A tarifa está sendo aplicada sem aprovação dos vereadores e servirá de base de cálculo de todos os tributos municipais, que são cobrados no caso de venda e do IPTU, que ainda será calculado para ser pago em 2016.  Matéria do publicada esta semana, denunciou o "tarifaço", que, segundo Bernal, será investigado.

O prefeito acredita que ocorreu algum problema de sistema ou erro de alguma funcionária do cartório. "A questão merece uma resposta imediata e se houve falha iremos consertar, porque a prefeitura não precisa disso", afirmou.

Ele voltou a ressaltar que não haverá "tarifaço" no valor reajustado pela prefeitura.  




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions