A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 28 de Setembro de 2016

05/12/2014 17:15

Campo Grande acumula inflação de 5,63% no ano, diz IBGE

Priscilla Peres

A inflação de Campo Grande fechou novembro em 0,55%, bem menor do que o índice registrado em outubro que foi de 0,79%, segundo dados do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo). No ano, a Capital acumula variação de 5,63%, acima da meta de 4,5%.

Veja Mais
Dia das Crianças vai movimentar R$ 146 milhões com R$ 119 por presente
Endividamento das famílias cresce e atinge 58,2%, mostra pesquisa

De acordo com os dados divulgados hoje pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em novembro, as carnes chegaram a subir 6,03% em Campo Grande, a segunda maior variação do país, perdendo apenas para Belém onde a variação do produto chegou a 7,51% no mês.

Devido a isso, o grupo alimentação e bebidas foi o que mais subiu em novembro (0,77%), seguido por habitação (0,69%), despesas pessoais (0,48%), transportes (0,43%), saúde e cuidados pessoais (0,42%) e vestuário (0,39%). A demanda por produtos no fim de ano tende a crescer e a variação da alimentação continuar subindo, além disso, o reajuste dos combustíveis contribuiu para a elevação do grupo transportes.

Apesar da elevação de 3,46% das carnes, a batata-inglesa foi o produto que mais teve variação em novembro, chegando a 38,71%. A cenoura foi o segundo com 12,24% de variação e a carne o terceiro. Também pelo consumo aquecido devido as festas de fim de ano, a tendência é de que o preço desses produtos continue subindo.

País - O IPCA nacional, que mede a inflação oficial, ficou em 0,51% em novembro. O índice acumula taxas de 5,58% no ano e de 6,56% no acumulado de 12 meses – pouco acima do teto da meta estipulada pelo governo (6,5%).

Endividamento das famílias cresce e atinge 58,2%, mostra pesquisa
O endividamento das famílias brasileiras aumentou 0,2 ponto percentual de agosto para setembro deste ano, atingindo 58,2%. Apesar do ligeiro crescime...
Taxa de juros do cheque especial bate novo recorde: 321,1% ao ano
A taxa de juros do cheque especial subiu em agosto. De acordo com informações do Banco Central (BC), divulgados hoje (28), em Brasília, a taxa do che...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions