A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 30 de Setembro de 2016

07/05/2016 12:05

Clientes deixam compra de presente para a véspera e lotam lojas do Centro

Mariana Rodrigues
Rua 14 de Julho ficou lotada na manhã de hoje. (Foto: Simão Nogueira)Rua 14 de Julho ficou lotada na manhã de hoje. (Foto: Simão Nogueira)

Com lojas cheias, dificuldades para se locomover nas calçadas e falta de estacionamento até mesmo nas ruas onde, em sábados normais, é fácil encontrar uma vaga, os campo-grandenses lotaram o Centro na manhã de hoje (7), um dia antes do Dia das Mães. A data é considerada a segunda melhor para as vendas do comércio.

Veja Mais
Menos gente vai às compras e Dia das Mães movimenta R$ 160 milhões
Consumidores pretendem gastar até R$ 200 em presentes do Dia das Mães

Como já era esperado, os consumidores deixaram para comprar o presente do Dia das Mães na última hora, desta vez a explicação é o pagamento que caiu na conta ontem, e por isso, a maioria deixou para ir garantir o presente só hoje.

E quem comemora todo esse tumulto de pessoas são os lojistas, é claro. O gerente da loja Feirão dos Calçados, Marco Antonio Borges Oliveira, avalia o movimento como bom e comenta que está atendendo as expectativas. “Esperamos vender 20% a mais que no ano passado”, acredita.

Marco contou ainda que entre os presentes escolhidos neste ano, as sapatilhas e o sapatos de salto alto são os campeões de venda. Sobre o movimento, ele comenta que vai melhorar ainda mais após o almoço, já que algumas pessoas preferem ir até o Centro no final da tarde.

A proprietária da Loja Dotz, localizada na Rua 14 de Julho, Patrícia Bravo, contou ao Campo Grande News que, os presentes mais procurados são os que estão na faixa de R$ 30 a R$ 60. “As vendas melhoraram desde ontem e as pessoas que vêm em busca de presentes querem coisas mais baratas”, conta.

O gerente da loja Feirão dos Calçados, Marco Antonio Borges Oliveira, acredita que o movimento vai se intensificar após o almoço. (Foto: Simão Nogueira)O gerente da loja Feirão dos Calçados, Marco Antonio Borges Oliveira, acredita que o movimento vai se intensificar após o almoço. (Foto: Simão Nogueira)
A proprietária da Loja Dotz, Patrícia Bravo, diz que a faixa de gasto com presentes chega a R$ 60. (Foto: Simão Nogueira)A proprietária da Loja Dotz, Patrícia Bravo, diz que a faixa de gasto com presentes chega a R$ 60. (Foto: Simão Nogueira)

Ainda segundo Patrícia, a expectativa de vendas para este ano é de 15% a mais que no ano passado, mesmo com as teorias de que 2016 seria ruim para as vendas. “Já começamos o ano melhor se comparado ao ano passado, com relação as vendas”, conta. A maioria das vendas são feitas no cartão de credito e crediário que a loja oferece.

Quem também aproveitou a segunda melhora data para ganhar um dinheiro extra, é o vendedor de flores artificiais Cícero Firmino da Silva. Desde ontem ele está na Rua 14 de Julho, entre a Afonso Pena e Barão do Rio Branco vendendo flores.

Só hoje pela manhã, foram vendidas 50 unidades que custam R$ 2. “Espero vender 200 unidades hoje e acredito que consigo, já que no final da tarde vários pastores compram grandes quantidades para levar para suas igrejas”, afirma.

Stephany Viruez Kill e o marido e todos os presentes que foram comprados para as mães das famílias. (Foto: Simão Nogueira)Stephany Viruez Kill e o marido e todos os presentes que foram comprados para as mães das famílias. (Foto: Simão Nogueira)

Compras – Os consumidores que foram hoje para o Centro optaram pelos presentes mais comuns para a data, que é o caso dos calçados, acessórios e roupas. A dona de casa Diná Silveira, 78 anos, gastou R$ 40 em um sapato, ela foi hoje às compras para tentar encontrar mais promoções. “Deixei para hoje na expectativa de encontrar preços melhores”, conta ela que vai presentear a irmã, já que não tem mais mãe.

E há ainda aqueles que reuniram a família toda para ir fazer as compras, é o caso de Stephany Viruez Kill, 21 anos. Ela juntamente com o marido, o filho de um ano, a mãe e o irmão, foram em busca dos presentes. “Os presentes escolhidos foram roupas, sapatos e bolsas”.

“O meu presente eu ganhei ontem, escolhi uma cama box king size e agora só estou comprando os lençóis”, finaliza Stephany.

O comércio do Centro fica aberto até às 18h de hoje.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions