A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

25/05/2015 07:11

Consumidores dormem na fila de posto para garantir gasolina a R$ 1,82

Viviane Oliveira e Caroline Maldonado
Este ano, apenas um posto de combustíveis aderiu a campanha Um dia livre de impostos. (Foto: Marcelo Calazans)Este ano, apenas um posto de combustíveis aderiu a campanha "Um dia livre de impostos". (Foto: Marcelo Calazans)
Dezenas de condutores formaram fila para conseguir abastecer. (Foto: Marcelo Calazans)Dezenas de condutores formaram fila para conseguir abastecer. (Foto: Marcelo Calazans)

Motoristas campo-grandenses dormiram na fila do auto posto Shiraishi na Avenida Júlio de Castilho, esquina com a Rua Yokohama, para garantir a gasolina com 42,68% de desconto no Dia Nacional do Respeito ao Contribuinte, conhecido como o Dia Sem Imposto. Além do posto de combustíveis, duas farmácias e uma autoescola aderiram a campanha. O pagamento é exclusivamente em dinheiro.

Veja Mais
Autoescola, posto de combustível e farmácia fazem Dia Sem imposto
Após dois dias, negociação 'trava' e greve dos bancários continua

A distribuição de senhas no posto começou hoje por volta das 6h30 e quem chegou ontem (24) à noite já abasteceu. A fila no local passa de um quilômetro e chega na Rua Ministro José Linhares. No total, 230 senhas foram distribuídas. A venda é limitada a R$ 40 por veículo. O valor do litro passou de R$ 3,19 para R$ 1,82. Este ano, apenas um posto de combustíveis aderiu a campanha.

O funcionário público Waldenir Mendes, 59 anos, foi o primeiro da fila. Ele, que chegou às 19h de ontem para garantir a gasolina mais barata, levou um travesseiro, baixou o banco e dormiu no carro. “Embora o valor máximo seja baixo, o desconto é bem vindo. Hoje, só político leva vantagem, se a gente quiser economizar tem que procurar promoção”, diz.

Já a zeladora Realita Meireles, 61 anos, que foi a segunda da fila, não conseguiu dormir com medo de assalto. Mesmo assim, a mulher resolveu passar a noite no local para também garantir o preço sem carga tributária. “Na verdade eu não consegui dormir, porque fiquei com medo. Mas deu tudo certo”, conta.

Além da economia, o que leva as pessoas a enfrentar fila para abastecer com desconto é o sentimento de revolta por causa dos impostos. A mobilização pode chamar a atenção do governo, conforme o pedreiro Daniel Alves que ficou na fila para garantir o desconto. “Um pouco de economia ajuda, porque com certeza os impostos estão abusivos”, destaca.

De acordo com o diretor da ACICG (Associação Comercial Industrial de Campo Grande), Roberto Oshiro, estão sendo disponibilizados 5 mil litros de gasolina para 230 veículos. Segundo ele, em 2013 a mobilização teve maior adesão. "Esse ano por conta da crise estar mais forte, menos empresários aderiram a campanha", conenta.  

O funcionário público Waldenir Mendes, 59 anos, foi o primeiro da fila. (Foto: Marcelo Calazans)O funcionário público Waldenir Mendes, 59 anos, foi o primeiro da fila. (Foto: Marcelo Calazans)
A zeladora Realita chegou ontem ao posto para conseguir abastecer com desconto. (Foto: Marcelo Calazans)A zeladora Realita chegou ontem ao posto para conseguir abastecer com desconto. (Foto: Marcelo Calazans)
Autoescola, posto de combustível e farmácia fazem Dia Sem imposto
Além de duas farmácias e um posto de combustível, uma autoescola de Campo Grande também participará do Dia da Liberdade de Impostos, amanhã (24). A P...
Bancos repetem proposta de reajuste de 7% e negociação prossegue
A Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) e o Comando Nacional dos Bancários retomaram a 9ª rodada de negociações nesta quarta-feira (28) em São Paul...
Após segunda queda consecutiva, dólar fecha cotado a R$ 3,22
O dólar comercial inverteu o movimento no final da tarde, após operar em alta durante quase toda a sessão. A moeda norte-americana fechou esta quarta...



A venda é limitada a R$ 40 por veículo. O valor do litro passou de R$ 3,19 para R$ 1,82. Este ano, apenas um posto de combustíveis aderiu a campanha.

40 / 1,82 = 21,97 litros
40 / 3,19 = 12,53 litros
diferença = 9,44 litros a mais!

Totalizando = r$ 30,11 de economia.

Vale a pena dormir na fila pra economizar 30,11 reais?
19h
 
AlunoDa4Serie em 25/05/2015 12:10:46
Nossa o Luciano, não é todo mundo que tem massa cinzenta pra entender o que significa isso, é um dia de respeito ao consumidor contra 364 de total desrespeito. O posto só aceita pagamento em dinheiro porque ele quer baratear ao máximo a gasolina pra mostrar que o governo rouba a população todos os dias sem ficar nem vermelho, os cartões sejam de credito ou débito cobram taxas do comercio e com estas taxas a gasolina não poderia ser vendida com o preço que foi.
 
Max em 25/05/2015 10:59:03
ISSO É IGNORÂNCIA PURA E FALTA DO QUE FAZER. O POSTO USOU ISSO COMO UMA GRANDE SACADA DE MKT. USOU OS MEIOS DA TV DE GRAÇA. O CUSTO DE IMPOSTOS COBRIU TUDO ISSO, TANTO QUE ELE FEZ VENDAS SOMENTE EM DINHEIRO. FICA ALGUMAS PERGUNTAS: PODE LIMITAR A VENDA POR PESSOA? O COMBUSTÍVEL ERA DE QUALIDADE COMPROVADA? PORQUE COMEÇOU SOMENTE APOS HORAS DO POSTO ESTAR ABERTO, SE ERA O DIA MARCADO QUE COMEÇOU A 0:01 DE 25/05? PROCON DA UMA FORCINHA PRA CIDADÃOS INJUSTIÇADOS E ACABAR COM ESSE DESRESPEITO COM PESSOAS QUE ACHAM LEVAR VANTAGENS PASSAR O DIA E NOITE NA RUA, EXPOSTOS AO PERIGO.
 
LUCIANO MARQUES em 25/05/2015 09:20:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions