A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Setembro de 2016

09/05/2014 11:03

Depois do Extra e Assaí, grupo inicia obra de loja do Pão de Açúcar

Marta Ferreira
Na vizinhança de vários edifícios, alguns em construção, terreno onde vai ser construída unidade do Pão de Açúcar. (Marta Ferreira)Na vizinhança de vários edifícios, alguns em construção, terreno onde vai ser construída unidade do Pão de Açúcar. (Marta Ferreira)

Que a rede Pão de Açúcar está por chegar em Campo Grande não é mais novidade. Há pelo menos dois anos, a intenção do grupo de trazer a marca de supermercados para cá já é pública. Agora, porém, as lojas começam a ganhar forma, com o início das fundações para a construção de uma delas na Via Parque, no Carandá Bosque, em uma das regiões que mais cresce em Campo Grande, com vários edifícios em construção.

Veja Mais
Redes planejam 6 novos mercados e acirram disputa por clientes
Encontro vai preparar supermercados de MS para chegada de grandes redes

O terreno está sendo preparado, com máquinas pesadas, para a construção de uma das três lojas do Pão de Açúcar previstas a Capital. Além dessa, outras duas estão nos planos, na avenida Bandeirantes e no bairro São Francisco, onde um grande terreno já foi comprado pelo grupo e está cercado.

O grupo Pão de Açúcar, que também controla a rede Extra, com duas lojas em Campo Grande, não confirma os investimentos nem fala de prazos para inaugurações. A alegação é de que, como tem ações na bolsa de valores, qualquer comunicado ao mercado deve ser feito com a aprovação dos acionistas. Normalmente, só quando já é possível identificar as construções, o anúncio é feito. As obras normalmente correm em um tempo exíguo.

Além das três lojas dessa marca em Campo Grande, a previsão também é de implantar em Mato Grosso do Sul mais um Assaí, rede de atacarejo (lojas que misturam venda a varejo com atacado). A aposta, neste caso, é em Dourados, o segundo maior município de Mato Grosso do Sul. A Assaí já tem duas lojas na Capital, uma na avenida Fabio Zahran e outro na avenida Cônsul Assaf Trad.

Regionalização – Apesar do silêncio do grupo sobre detalhes e datas, a chegada do Pão de Áçucar já é comentada com naturalidade entre os empresários do setor e entre os representantes dos trabalhadores.

Para o vice-presidente do Conselho Superior da Amas (Associação Sul-mato-grossense de Supermercados), Luiz Tadeu Gaedick, a vinda da rede é consequência do crescimento do mercado e os locais escolhidos comprovam a tendência de regionalização dos centros comerciais. “O que vai acontecer é que vai dividir as vendas, que antes eram concentradas em poucos estabelecimentos”. A associação representa, em todo o Estado, 400 supermercados.

O presidente do Sindicato dos Comérciários, Nelson Benites, diz que a categoria espera a criação de pelo menos 400 vagas só na unidade da Via Parque. “É positivo, pois são novas possibilidades de ampliação do mercado empregador”, afirma. Segundo ele, hoje, os supermercados empregam, em Campo Grande, 8 mil pessoas.

O grupo Pão de Açúcar está em Campo Grande desde 1983, quando inaugurou o Jumbo Eletro, que em 1989 foi reformado e passou a se chamar Extra, na rua Maracaju. A loja chegou a abrir  durante 24h, expediente que foi reduzido há poucos dias. Em 2011, foi inaugurada a unidade na rua Joaquim Murtinho.




Melhor até que o próprio supermercado vai ser o efeito que ele vai fazer nos outros. Com certeza Comper e Carrefour irão melhorar seu atendimento e, finalmente, passar a se preocupar com variedade e qualidade dos produtos. Nada como a concorrência!
 
Ricardo Farias em 09/05/2014 14:01:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions