A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

28/04/2015 12:03

Dia das Mães movimentará R$ 214 mi, mas consumidores vão gastar menos

Liana Feitosa
Produtos do setor de vestuário são a maior preferência dos compradores. (Foto: Alcides Neto)Produtos do setor de vestuário são a maior preferência dos compradores. (Foto: Alcides Neto)

Para saber qual a expectativa de consumo, em Mato Grosso do Sul, para o Dia das Mães, moradores de 13 cidades foram consultados pela Fecomércio/MS (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso do Sul) entre os dias 9 e 18 de abril. Segunda data mais importante para o comércio, o Dia das Mães é comemorado no segundo domingo de maio e deve movimentar 7% a menos do que no ano passado, injetando R$ 214,5 milhões na economia de Mato Grosso do Sul neste ano.

Veja Mais
Inmetro inicia operação Dia das Mães contra produtos com irregularidades
Vendas para o Dia das Mães frustram comércio em Campo Grande

O levantamento, feito pelo Instituto de Pesquisa Fecomércio, Fundação Manoel de Barros e Universidade Anhanguera-Uniderp, selecionou as cidades que somam 64% do PIB (Produto Interno Bruto) estadual.

Valor - Parcela de 81% da população economicamente ativa irá às compras de presentes para mães (70%), esposas (17%) ou sogras (13%). O valor médio de cada presente será de R$ 166.

“O valor a ser gasto por presente e a forma de pagamento, são indicativos que as famílias procuram equilibrar os seus orçamentos, liquidar os empréstimos e não buscar outros financiamentos”, analisa o presidente da Fecomércio/MS, Edison Araújo.

Produtos - Segundo os dados apurados, produtos do setor de vestuário são a maior preferência dos compradores: 18%. Em seguida aparecem os calçados, com 17% da intenção de compra. Perfumes e cosméticos somam 16%, bolsas e acessórios 12% e, flores, 8%.

Os produtos com menor parcela de intenção de compra são joias e bijuterias, com 5%, e eletrodomésticos, com 4%. Em torno de 3% dos compradores afirmaram interesse em comprar eletroeletrônicos para presentear. Entre esses consumidores, 27% tem intuito de presentear com aparelho celular, 11% vão optar por aparelhos de televisão e 9% por chapinha para cabelo.

Os consumidores vão dar prioridade ao pagamento à vista ou com cartão de débito. Ao todo, 54% escolherão essa forma e 30% pagarão com cartão de crédito.

Cidades - Foram consultados compradores das cidades de Campo Grande, Aparecida do Taboado, Aquidauana, Anastácio, Chapadão do Sul, Corumbá, Dourados, Ladário, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã, São Gabriel do Oeste e Três Lagoas.

Foram entrevistadas 2 mil pessoas em vários pontos de circulação e comercialização. Foram abordadas pessoas de forma espontânea, anônima e sigilosa, sendo o nível de confiança de 95% e erro amostral de 2,2%.

Inmetro inicia operação Dia das Mães contra produtos com irregularidades
A Operação Dia das Mães passa a valer a partir desta quarta-feira (22). Comandada pelo Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnolo...
Bancos repetem proposta de reajuste de 7% e negociação prossegue
A Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) e o Comando Nacional dos Bancários retomaram a 9ª rodada de negociações nesta quarta-feira (28) em São Paul...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions