A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

19/05/2014 11:35

Em 4 anos, Ministério do Trabalho autoriza 138 estrangeiros a atuar em MS

Bruno Chaves

De janeiro de 2011 a março de 2014, Mato Grosso do Sul empregou 138 estrangeiros vindos de origentes distintas, como a Coreia, os Estados Unidos, Estônia, Finlândia, Itália, Portugal e Suécia. As autorizações foram emitidas pela Coordenação Geral de Imigração do Ministério do Trabalho e Emprego (CGIg/MTE) e o balanço foi divulgado na reunião do Conselho Nacional de Imigração (CNIg/MTE), realizada no último dia 13.

Veja Mais
Índice sobe 6% e Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas
MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina

Conforme o relatório, no primeiro trimestre deste ano, apenas um trabalhador, nascido na Coreia, recebeu permissão para trabalhar no Estado. Ele tem a situação trabalhista encaixada no grupo de “Administradores, Diretores, Gerentes e Executivos com poderes de gestão e Concomitância”. A empresa e a cidade em que o trabalhador atua não foram divulgadas pela pesquisa.

Em 2011, quando 43 estrangeiros vieram para Mato Grosso do Sul. Os finlandeses (21) lideraram a lista dos imigrantes. No ano seguinte, 2012, os italianos (23) representaram a maior parte dos 76 trabalhadores que vieram de fora do País. Em 2013, os norte-americanos (5) lideraram a lista dos 18 imigrantes que chegaram ao Estado.

O relatório da CGIg/MTE ainda revela que os estrangeiros pessoa física foram responsáveis pelo investimento de R$ 1.165.987,00 em Mato Grosso do Sul, entre 2011 e 2013. Nesse mesmo período, no Brasil, os forasteiros injetaram aproximadamente R$ 1,1 bilhão na economia. Trabalhadores da Itália, da Espanha e do Chile, respectivamente, foram os que mais investiram no País.

Panorama nacional – O levantamento do Ministério do Trabalho revela que entre janeiro a março deste ano foram concedidas 10.529 autorizações de trabalho a estrangeiros, sendo que 783 foram permanentes e 9.746 temporárias. No mesmo período de 2013 foram emitidas 15.064 autorizações.

Conforme a assessoria do ministério, em relação ao mesmo período do ano passado houve uma variação de -30% na emissão de autorizações de trabalho a estrangeiros.

Para o coordenador-geral de Imigração, Aldo Cândido, a queda se deve à edição da Resolução Normativa 100 do CNIg que determinou a concessão de visto temporário (pelos consulados do Brasil no exterior) a estrangeiro que venha ao país para trabalhar com transferência de tecnologia ou para prestar serviço de assistência técnica por prazo determinado de até 90 dias.

“A diminuição do número de autorizações concedidas no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período de 2013 deu-se, fundamentalmente, em vista da edição da Resolução nº 100 do CNIg que autorizou a emissão de visto, pela autoridade consular do Brasil no exterior, a estrangeiro que venha ao país para prestar assistência técnica de curta duração e também porque houve diminuição das solicitações de autorizações para trabalho a bordo de embarcações de turismo”, avaliou.

O público masculino recebeu 9.371 concessões de trabalho e o feminino 1.158. Desse total, 9.746 autorizações são temporárias; 2.596 foram com prazo de 90 dias; 2.351 com prazo de até um ano; 1.516 para até dois anos, com contrato de trabalho no Brasil; e 3.283 com prazo de até dois anos, sem contrato de trabalho no Brasil.

Das 783 concessões permanentes, 300 foram para investidor pessoa física; 467 para administradores, diretores, gerentes e executivos com poderes de gestão e similares; e 16 para outros.

Índice sobe 6% e Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas
Campo Grande tem 177 mil pessoas endividadas, sendo que 13% não terão condições de pagar suas contas. O índice medido pelo IPF/MS (Instituto de Pesqu...
MS vai receber missão técnica do Chile em frigoríficos de carne bovina
Inspeções federais de outros país no Brasil pode abrir novos mercados para exportação. Chile, Cuba e Bolívia já tem data marcada para suas missões e ...
Gol lança ofertas semanais de passagens aéreas
Para atrair novos passageiros e fidelizar seus clientes, as companhias aéreas garantem preços e condições de pagamento especiais. Cada empresa define...
Mais de 6 mil consumidores saíram da lista de inadimplentes em agosto
Em agosto, 6.144 contribuintes de Campo Grande saíram do cadastro de inadimplentes. O número é 38,5% maior que o de julho, quando 4,4 mil pessoas rec...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions