A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Setembro de 2016

04/03/2016 08:56

Em MS, 10,5 mil contribuintes já realizaram a declaração do IR 2016

Renata Volpe Haddad

De 382 mil contribuintes em Mato Grosso do Sul que precisam declarar o Imposto de Renda, até esta sexta-feira (4), 10,5 mil pessoas já cadastraram os dados na Receita Federal. No Brasil, dos 28,5 milhões de contribuintes que têm que entregar a declaração, 843 mil já o fizeram, de acordo com a Receita Federal do Estado.

Veja Mais
Problema no programa do Imposto de Renda faz Receita trocar versão
Pagar contador para declarar imposto de renda custa entre R$ 50 e R$ 500

O prazo para fazer a declaração se encerra no dia 29 de abril e quem tem rendimento anual de R$ 28.123,21 tem que declarar.

De acordo com a contadora, proprietária da Soma Contabilidade, Kelly Cristina da Silva, quem adquiriu bens em 2015, é importante fazer a declaração. "Quando o bem é superior a R$ 300 mil, como casa, propriedade rural, carro, tem que declarar", alega.

Conforme a contadora, o contribuinte que praticou atividade rural com receita bruta de R$ R$ 140.619,55 também é obrigado a declarar. "Também é obrigado a declarar o contribuinte que recebe por mês R$ 2.275,08 e feito a primeira vez, tem que declarar todos os anos", explica.

Entra na obrigatoriedade quem vendeu uma casa e comprou outra num prazo de 180 dias, usando isenção de Imposto de Renda no momento da venda. Quem não declarar pode receber multa de 1% do imposto devido por mês de atraso ou de R$ 165,74, prevalecendo o maior valor. A multa máxima equivale a 20%.

Declaração - Uma nova versão do Imposto de Renda de 2016 foi disponibilizada ontem (3) e apresenta uma fase de verificação mais robusta. Os contribuintes que ainda não entregaram a declaração devem baixar a nova versão do programa.

Quem já preencheu e transmitiu a declaração, não é necessário tomar nenhuma providência, pois a Receita Federal adotará medidas para sanar eventuais inconsistências.

Quem preencheu a declaração, total ou parcialmente, e ainda não transmitiu, não vai perder dados, pois eles serão transferidos para a nova versão. O contribuinte deve baixar a nova versão, finalizar o preenchimento e fazer a transmissão.

Se o contribuinte tentar transmitir a declaração feita na versão original do programa, receberá um aviso alertando sobre a necessidade de fazer o download e utilizar da nova versão.

Para fazer o download do programa, o link pode ser acessado aqui e também está disponível no site da Receita Federal.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions