A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

01/12/2016 14:06

Em MS, 2,6 mil trabalhadores podem sacar abono salarial até dia 30

Priscilla Peres

Em Mato Grosso do Sul, 2.634 trabalhadores ainda não sacaram o abono salarial, do ano-base 2014. Se o valor não for retirado do banco até 30 de dezembro, o beneficiário perde o montante que corresponde a salário um mínimo (R$ 880).

Veja Mais
Para arrecadar R$ 25 mi, prefeitura inicia renegociação de atrasados
Lojas do Centro atendem até às 20h hoje de olho nas vendas de Natal

De acordo com o Ministério do Trabalho, 7.477 trabalhadores de MS tem direito a receber o abono. Desses 4.843 já sacaram o montante que soma mais de R$ 4 milhões. Depois de 30 de dezembro, o recurso volta para o Fundo de Amparo ao Trabalhador e o trabalhador perde o direito.

Lei - Têm direito ao Abono Salarial ano-base 2014 quem estava inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos; trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2014 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos; e tenha seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Para saber se tem direito, os trabalhadores podem fazer a consulta no portal trabalho.gov.br/abono-salarial, inserindo CPF ou número do PIS/Pasep e data de nascimento. A Central de Atendimento Alô Trabalho do Ministério do Trabalho, que atende pelo número 158, também tem informações sobre o PIS/Pasep.

Se, mesmo depois de verificar que tem direito ao abono, o trabalhador for informado na rede bancária que não tem direito ao benefício, a recomendação é pedir nova consulta ao atendente a partir do CPF e solicitar atualização dos dados cadastrais. 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions