A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

03/12/2015 14:45

Jovem representa MS em fórum de empreendedorismo na Guatemala

Caroline Maldonado
Gustavo Lourenço vai participar de fórum para falar sobre trabalho desenvolvido com jovens empreendedores em MS (Foto: Divulgação)Gustavo Lourenço vai participar de fórum para falar sobre trabalho desenvolvido com jovens empreendedores em MS (Foto: Divulgação)

Depois de convencer 15 empresários a doar R$ 200 cada, o gestor de projetos Gustavo Lourenço, 20 anos, conseguiu o valor que precisava para viajar para Guatemala. Ele vai representar Mato Grosso do Sul no 16º Fórum Internacional de Jovens Empreendedores, que acontece entre 6 e 11 de dezembro, com participantes de 120 países.

Veja Mais
Elon Musk: o empreendedorismo fora do convencional
Sebrae/MS abre nesta segunda licitações apenas para micro e pequenas empresas

O evento é promovido pela Júnior Achievement, organização norte-americana que desenvolve programas voltados para o empreendedorismo com foco em jovens e adolescentes. A entidade tem voluntários em Campo Grande, que atuam em 30 escolas públicas e particulares, além de unidades em Dourados, Naviraí, Três Lagoas, Aparecida do Taboado e Corumbá.

Foi em um desses programas que Gustavo ganhou destaque ao participar em 2012 e agora faz parte da organização. “Nós vamos para escola e pedimos que os alunos escrevam uma carta dizendo porque querem entrar no do projeto. Então, orientamos para que eles desenvolvam suas empresas", explica.

Segundo Gustavo, no programa Miniempresa, os alunos conseguem investimento, criam e vendem os produtos em uma feira. Depois disso, pagam tributos e devolvem aos acionistas o valor investido como capital inicial, além de ajudar uma entidade social. 

A participação é gratuita e as escolas que têm interesse devem procurar o escritório da Júnior Achievement, que fica na sede do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), em Campo Grande, na Avenida Mato Grosso, nº 1661.

Para empreender não é preciso ter idade certa ou muito dinheiro, segundo Gustavo. “A dica é não ter medo. O não a gente já tem, só precisa correr atrás do nosso sim”, resume. O gestor conta que começou no empreendedorismo criando artesanato e hoje percebe muitos jovens com potencial para criar produtos e gerir uma empresa, em Campo Grande. 

“Estão envolvidos adolescentes e jovens do 4º ano do ensino fundamental atá o ensino médio. Eles têm muita vontade, querem participar e fazer algo diferente”, comenta. A última feira com produtos criados pelos alunos foi em outubro deste ano. Entre as sete invenções, ganharam destaque uma carteira feita de caixa de leite e um cinto de pneu de bicicleta. Por trás dos produtos, há um trabalho dos voluntários para que os jovens conheçam cada etapa da formação de uma empresa. 

Elon Musk: o empreendedorismo fora do convencional
O que Matt Damon, Henry Ford, Steve Jobs, Larry Page e Tony Stark tem em comum? Quem disse nada é porque não conhece a biografia de Elon Musk. Matt D...
Sebrae/MS abre nesta segunda licitações apenas para micro e pequenas empresas
O Sebrae/MS (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Mato Grosso do Sul) vai realizar cinco pregões, presenciais e eletrônicos, e...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions