A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 24 de Julho de 2014

16/11/2012 18:32

Leilão de produtos apreendidos pela Receita Federal recebe lances até terça

Gabriel Neris e Helton Verão
Veículos estão entre os lotes disponíveis para o leilão que encerra lances na próxima terça-feiraVeículos estão entre os lotes disponíveis para o leilão que encerra lances na próxima terça-feira
Coordenador mostra máquinas digitais disponibilizadas no leilão (Fotos: Rodrigo Pazinato)Coordenador mostra máquinas digitais disponibilizadas no leilão (Fotos: Rodrigo Pazinato)

Estão abertos os lances para o leilão eletrônico de mercadorias apreendidas da Receita Federal, em Campo Grande. Os interessados tinham até o final da tarde desta sexta-feira (16) para visitação dos 82 lotes que envolvem veículos, vestuários e eletrônicos.

Veja Mais
Dólar fecha com leve alta de 0,04%, cotado a R$ 2,21 para a venda
Palestra vai ensinar como aproveitar redes sociais para os negócios

Os lotes estavam disponíveis no Depósito de Mercadorias Apreendidas do Parque dos Poderes e também da avenida Coronel Antonino.

Podem participar do leilão apenas pessoas jurídicas, através do site da Receita Federal. De acordo com o coordenador Antônio Furini, na primeira fase, que termina na terça-feira (20), às 18h (horário de Brasília), os interessados fazem o lance sem saber quais são os lances dos concorrentes.

Passam para a segunda fase quem apresentou o melhor lance e todos os outros que foram até 10% do lance mais caro. Na próxima fase, marcada para quarta-feira, haverá nova disputa entre os interessados, entretanto desta vez será permitida que os concorrentes vejam os lances de cada um.

“Funcionará da forma que está programado. Tem hora para começar e tem para acabar”, diz Furini.

Ao todo serão 46 lotes de veículos e outros 36, entre vestuário, eletrônicos e até pneus. Um dos lotes apresenta 120 pneus de caminhão. Outro conta com 2,5 toneladas de diversos tecidos. Entre os lotes eletrônicos, um deles conta com duas mil câmeras digitais.

Furini explica que o leilão é realizado de três a quatro anos e as mercadorias foram apreendidas nas proximidades de Campo Grande. De acordo com o coordenador, o primeiro passo para o próximo leilão, previsto para o ano que vem, é a participação de pessoas físicas.

Conforme dados divulgados pela Receita Federal, somente em Campo Grande foram arrecadados R$ 2.207.595,00 com a realização de dois leilões virtuais em 2012.

Veja Também
Dólar fecha com leve alta de 0,04%, cotado a R$ 2,21 para a venda
Esta quinta-feira foi de fechamento praticamente estável do dólar, em relação a ontem. A moeda dos Estados Unidos terminou o dia cotada R$ 2,221, com...
Palestra vai ensinar como aproveitar redes sociais para os negócios
A ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande), em parceria com o Sebrae, começa na próxima semana uma série de palestras a empreendores...
Gigante da celulose, com unidade em Três Lagoas, divulga lucro tímido
Instalada em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, a maior produtora mundial de celulose branqueada de eucalipto, a empresa Fibria, reporto...


imagem transparente

Desenvolvido por Idalus Internet Solutions