A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 27 de Setembro de 2016

25/06/2014 18:25

Multinacional de cosméticos investirá R$ 100 milhões e criará 510 empregos

Caroline Maldonado
Diretores apostam em Campo Grande para alcançar o Brasil e países vizinhos (Foto: Divulgação/Assessoria)Diretores apostam em Campo Grande para alcançar o Brasil e países vizinhos (Foto: Divulgação/Assessoria)

Até o final deste ano, a multinacional VMV irá se instalar em Campo Grande para comercializar produtos cosméticos e mobiliário para salões de cabeleireiros da marca Salerm. A empresa que irá investir mais de R$ 100 milhões na nova indústria prevê a criação de 310 empregos diretos e 200 indiretos.

Veja Mais
Em queda de 0,5%, dólar comercial fecha cotado a R$ 3,23 nesta terça-feira
Uma das maiores do mundo, fábrica de celulose da Fibria está 54% concluída

Inicialmente, o grupo que é o terceiro maior produtor de cosméticos do mundo implantará, na cidade, uma delegação que vai importar os produtos para comercializar no Brasil. O Governo do Estado já garantiu 90% de incentivos fiscais e a Prefeitura de Campo Grande doará uma área com aproximadamente cinco hectares, no Polo Industrial Oeste.

Para conquistar o mercado da beleza do Estado, o grupo trabalhará com o nome Salerm Pantanal e fará estudos para descobrir as preferências dos profissionais da área e consumidores. O objetivo é atender o mercado de todo o Brasil e dos países vizinhos. “Nós queremos alcançar ainda a Bolívia, o Paraguai e outros países do Mercosul”, disse o diretor financeiro do grupo VMV, Raúl Gómez.

Segundo o diretor, o grupo comercializa produtos em 42 países nos quatros continentes e tem sede em Barcelona, na Espanha. A Salerm Pantanal trará profissionais de fora para treinar os novos funcionários e promoverá eventos voltados para os cabeleireiros, além de instalar um instituto de pesquisas na Capital. “Queremos oferecer produtos de alta qualidade para cabeleireiros e também linhas para que esses profissionais possam revender para seus clientes”, explicou o diretor.

Conforme o diretor geral da Salerm Pantanal, Marcelo Corrêa, com o desenvolvimento das pesquisas haverá produtos exclusivos para a região. “Nosso diferencial será a atenção que daremos aos cabeleireiros. Queremos ouvi-los para atender a demanda, rapidamente. Além disso, vamos trabalhar com preços acessíveis, sem perder a qualidade”.

De acordo com Raúl Gómez, o grupo resolveu conhecer o mercado brasileiro em meados do ano passado, quando se reuniu, em Barcelona, com os deputados estaduais Paulo Corrêa (PR) e Laerte Tetila (PT), que apoiaram a vinda do grupo para o país. “Acredito que o que vai conquistar os consumidores do Brasil são as linhas de cremes de tratamento e de alisamento para os cabelos, que são muito boas, fruto de 40 anos de pesquisa”, destacou Raúl.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions