A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Setembro de 2016

14/07/2014 19:05

Na contramão dos dados nacionais, turismo de MS diz que Copa frustrou

Mariana Lopes
Chilenos movimentaram o Estado dias antes da abertura da Copa do Mundo, mas estiveram só de passagem (Foto: Marcos Ermínio)Chilenos movimentaram o Estado dias antes da abertura da Copa do Mundo, mas estiveram só de passagem (Foto: Marcos Ermínio)

Acima do esperado, o Brasil recebeu aproximadamente 1 milhão de turistas estrangeiros durante o mês que o país sediou a Copa do Mundo, segundo dados do CICC (Centro Integrado de Comando e Controle). Na contramão dos números nacionais, o movimento de turistas em Mato Grosso do Sul foi frustrante para o setor, com balanço bem abaixo da expectativa.

Veja Mais
Paralisação dos bancários completa 20 dias sem previsão de término
Entre a novidade e a decadência, quadrilátero é retrato do comércio

Segundo o presidente da ABIH (Associação Brasileira da Indústria Hoteleira), Leonardo Lorenzzetti, em Campo Grande o movimento de turistas e a ocupação de leitos em hotéis foram "péssimos".

"Houve uma ocupação dos leitos inferior se comparado ao mesmo período de anos anteriores, de aproximadamente 10%", destaca Leonardo. No interior do Estado, como em Bonito e Corumbá, ele garante que os números foram melhores, mas ainda assim não atingiu o esperado.

"Havia expectativa de receber estrangeiros, mas a maioria dos turistas estavam passando direto e indo pro interior", comenta Leonardo. Agora, a expectativa é pelo pós-mundial. "Talvez a mídia espontânea dê resultados a longo prazo com a divulgação que tivemos durante este período de Copa do Mundo", ressalta.

Segundo o diretor de turismo de bonito, Clayton Castilho Gomes, o movimento maior na cidade foi de mochileiros, que ficaram em albergues e pousadas pequenas. "Tivemos 5,8% de aumento no setor em relação ao mesmo período do ano passado, mas não foi proveniente da Copa, porque esta é uma época quando os estrangeiros aproveitam mesmo para visitar a região, o número de pessoas que vieram pra Copa e passaram por aqui foi bem pouco", garante o diretor.

O primeiro semestre deste ano, segundo o diretor de Turismo de Bonito, teve um aumento de 12% no movimento de estrangeiros, se comparado ao primeiro semestre de 2013. "Mas isso é resultado do mercado que vem crescendo mesmo, das nossas publicidades no exterior", garante Clayton.

Para o empresário Cícero Ramos Peralta, proprietário de uma pousada em Bonito, a 257 quilômetros de Campo Grande, o movimento de turistas estrangeiros foi 50% abaixo do esperado pelos donos de hotéis e pousadas da região.

"Não podemos dizer que não teve turistas, mas particularmente não foi o que se esperava. A Copa até nos atrapalhou, porque segurou, inclusive, os turistas do Estado em casa, que queriam assistir aos jogos", comenta.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions