A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 27 de Setembro de 2016

02/03/2015 17:14

Novo programa evita erros no IR e pode livrar contribuinte da malha fina

Vanda Escalante
Gilson Ishikawa, Fla´vio de Barros Cunha e Adalgisa Fugita, em coletiva na Delegacia da Receita Federal (Foto: Simão Nogueira)Gilson Ishikawa, Fla´vio de Barros Cunha e Adalgisa Fugita, em coletiva na Delegacia da Receita Federal (Foto: Simão Nogueira)

Um novo programa, mais interativo e adaptável às plataformas móveis é a ferramenta em que a Receita Federal está apostando para agilizar a entrega das declarações do Imposto de Renda de 2015 e, ao mesmo tempo, reduzir o número de contribuintes que caem na malha fina.

Veja Mais
Receita admite lentidão no início do prazo para entrega do Imposto de Renda
Receita Federal disponibiliza sistema para entrega do Imposto de Renda 2015

Entre as principais novidades do programa está a possibilidade de utilizar tablets e smartphones para preencher e transmitir a declaração. Além disso, o novo programa salva a declaração em nuvem, permitindo o acesso integrado tanto pelo computado ou notebook quanto pelos dispositivos móveis. "O importante é o contribuinte ter cuidado no preenchimento e verificar as mensagem do programa cada vez que acessar a declaração", orienta a supervisora local do Programa, Adalgisa Fugita.

A declaração pré-preenchida e os avisos de erro e pendências também visam reduzir as chances de erro, que, segundo o supervisor da equipe de malha fina, Gilson Ishilkawa, é uma das principais causas de retenção de declarações. De acordo com Ishikawa, em 2014 a maioria das declarações que ficaram retidas na malha fina apresentavam problemas com a omissão de rendimentos. “Isso geralmente acontece por erro no preenchimento”, avalia o supervisor.

Este ano, a estimativa é de que 365 mil contribuintes apresentem a declaração, um número 2% maior que o do ano passado, acompanhando a projeção de crescimento feita em nível nacional. De acordo com o delegado da Receita em Mato Grosso do Sul, Flávio de Barros Cunha, as projeções com base em anos anteriores também indicam que aproximadamente 15% dos contribuintes tendem a deixar a entrega da declaração para o último dia do prazo. Isso significa que, só em Mato Grosso do Sul, cerca de 54 mil declarações devem ser transmitidas à Receita apenas no dia 30 de abril.

“Um risco, não só poque pode haver congestionamento do sistema, como também pela possibilidade de o próprio contribuinte ter algum tipo de problema ou impedimento”, alerta o delegado. A multa para quem entregar a declaração depois do prazo é de 1% ao mês-calendário, calculada sobre o total do imposto devido. O valor mínimo é de R$ 165,74 e o máximo é de 20% do imposto devido.

O Programa para o IRPF (Imposto de Renda Pessoa Física) pode ser baixado no site da Receita. As declarações podem ser transmitidas de hoje (2) até o dia 30 de abril. As informações e novidades foram apresentadas nesta segunda-feira, em entrevista coletiva, na sede da Delegacia da Receita Federal, em Campo Grande. 

Carnê Leão 2015
Profissionais liberais e autônomos precisam ficar mais atentos à declaração do Imposto de Renda. Também com o objetivo de reduzir o número de contribuintes que têm a declaração retida na malha fina, esses profissionais estão obrigados a informar no programa do Carnê Leão (Recolhimento Mensal Obrigatório) o CPF de cada um dos clientes.

A medida, que entrou em vigor no dia 1º de janeiro, vale para a declaração de IR pessoa física de 2016, ano-base 2015, e permitirá que o Fisco cruze informações fornecidas na declaração pelo contribuinte pessoa física com a de médicos, dentistas, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, psicólogos e advogados.

Receita admite lentidão no início do prazo para entrega do Imposto de Renda
A Receita Federal admitiu que no início do prazo para a entrega das declarações do IRPF (Imposto de Renda Pessoas Físicas) 2015 hoje (2) houve lentid...
Receita Federal disponibiliza sistema para entrega do Imposto de Renda 2015
Os contribuintes têm de hoje até o dia 30 de abril fazer a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2015. Quanto antes a Receita Federal receber ...
Com cautela no exterior, dólar fecha praticamente estável a R$ 3,24
Com uma leve alta de 0,01% o dólar comercial fechou nesta segunda-feira (26) praticamente estável, cotado a R$ 3,247 na venda. Na última sexta-feira ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions