A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Setembro de 2016

21/06/2015 13:00

Para resolver dívidas, Semana da Conciliação já tem 4 mil agendamentos

Flávia Lima
Interessados em buscar uma conciliação com credores devem procurar A Associação Comercial ou a Câmara de Mediação. (Foto:Divulgação)Interessados em buscar uma conciliação com credores devem procurar A Associação Comercial ou a Câmara de Mediação. (Foto:Divulgação)

Marcada para acontecer entre os dias 29 e 3 de julho, a 5ª Semana da Conciliação, realizada pela Associação Comercial de Campo Grande e Câmara Brasileira de Mediação e Arbitragem, já conta com 4 mil agendamentos.

Veja Mais
Greve dos bancários chega ao 19º dia com 144 agências sem atendimento
FCO amplia acesso para empresas que faturam até R$ 16 milhões por ano

O objetivo das audiências é resolver conflitos com pessoas físicas ou jurídicas e as primeiras sessões foram agendadas por empresas que decidiram adotar o método para reaver débitos atrasados de clientes. Além da pendência financeira, o presidente da CBMAE, Roberto Oshiro, esclarece que qualquer tipo de conflito pode ser resolvido na Câmara, como questões de direito de família, desentendimentos com vizinhos ou entre sócios, e até questões de ação penal privada, como calúnia e difamação.

Ele explica que a conciliação é uma forma de solução rápida, eficiente e econômica de resolver conflitos extrajudiciais e também ajuizados, pois acontece sem a interferência de advogados e oferece segurança jurídica. “Nosso objetivo é promover a pacificação social e contribuir para reduzir o número de processos. As partes acabam mantendo o relacionamento, o que na maioria das vezes não acontece em um processo judicial”, completa Oshiro.

Após a audiência realizada, em caso de acordo, um termo é encaminhado à 8ª Vara da Justiça Itinerante e Comunitária para ser homologado pelo juiz, indicado pelo Tribunal de Justiça do Estado. No prazo de 15 dias, o documento será devolvido à secretaria da Câmara de Mediação e da Associação Comercial para ser disponibilizado para as partes interessadas.

Como participar- Em casos de pendências financeiras, o interessado deve apresentar-se diretamente na secretaria de uma das duas instituições, munido de cópias de RG, CPF ou Carteira Nacional de Habilitação, comprovante de residência e extrato da negativação do SCPC, ou ainda qualquer outro documento que comprove o vínculo com a empresa (contrato, faturas, boleto).

A Câmara vai convidar o estabelecimento credor para uma audiência de tentativa de conciliação do débito. Para outros casos de conflito é preciso buscar mais informações pelo telefone 3312-5063.

O interessado em resolver um problema por meio da conciliação também deverá contribuir com uma lata, ou pacote, de leite em pó, por procedimento. O donativo será doado a uma instituição filantrópica.

FCO amplia acesso para empresas que faturam até R$ 16 milhões por ano
Foi aprovado nesta semana pelo Ceif (Conselho Estadual de Investimentos Financiáveis) do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) ...
Dólar comercial fecha a semana em queda e cotado a R$ 3,24
Após duas altas seguidas do dólar comercial durante a semana, a moeda norte-americana fechou nesta sexta-feira (23) cotado a R$ 3,247 na venda e com ...
Desemprego desacelara, e MS cria mais 1.077 vagas de trabalho em agosto
Mato Grosso do Sul abriu 1.077 empregos formais a mais no mês de agosto -equivalentes ao acréscimo de 0,21% -, em relação ao estoque de assalariados ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions