A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 27 de Setembro de 2016

13/09/2016 11:30

Pedágio fica 8,74% mais caro e atravessar MS chega a custar R$ 55,40

Priscilla Peres
Pedágios começaram a ser cobrados há um ano. (Foto: Fernando Antunes)Pedágios começaram a ser cobrados há um ano. (Foto: Fernando Antunes)

A União autorizou hoje, o primeiro reajuste do pedágio em Mato Grosso do Sul. A partir de amanhã (14), trafegar pela BR-163 administrada pela CCR MSVia estará 8,74% mais caro e atravessar o Estado vai custar até R$ 55,40 para veículos de passeio.

Veja Mais
BR-163 gera receita de R$ 149 milhões, e preço de pedágio vai subir
Duplicação da BR-163 em MS deve ficar pronta em 2020

De acordo com a resolução nº 5.183 publicada no Diário da União de hoje, estabelece reajuste de 8,74% para o pedágio da CCR MSVia, em Mato Grosso do Sul. O valor é definido de acordo com a inflação medida pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em doze meses.

O aumento vai afetar não só os condutores de veículos de passeio, mas também os que trafegam em motocicletas ou caminhões. O valor aumenta conforme os eixos dos veículos pesados e pode chegar aos R$ 39 em uma praça, para caminhão com reboque de seis eixos.

Mato Grosso do Sul tem nove praças de pedágio distribuídas em 845,4 quilômetros de extensão da rodovia entregue a concessão em 2014. As praças estão localizadas em Mundo Novo, Itaquiraí, Caarapó, Rio Brilhante, Campo Grande, Bandeirantes, São Gabriel do Oeste, Rio Verde de Mato Grosso e Pedro Gomes.

Para carros pequenos, os preços variam entre R$ 4,60 e R$ 7,40 nas nove praças de pedágio. Os novos valores entram em vigor amanhã e estarão disponíveis no site da concessionária. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 648 0163.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions