A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 28 de Setembro de 2016

25/03/2015 16:07

Peixe tem maior alta entre produtos da Semana Santa, mostra Procon

Pesquisa feita hoje em Dourados revela que preço do peixe aumentou até 5%; enlatados aumentaram 3% e chocolate, 1%

Helio de Freitas, de Dourados
Preço do peixe subiu em média 5% em dez dias, segundo pesquisa do Procon de Dourados (Foto: Eliel Oliveira)Preço do peixe subiu em média 5% em dez dias, segundo pesquisa do Procon de Dourados (Foto: Eliel Oliveira)

A segunda pesquisa do Procon sobre os produtos consumidos na Semana Santa mostra que os peixes lideram o aumento em Dourados, a 233 km de Campo Grande. Feito em 14 estabelecimentos da cidade, o trabalho verificou o preço de 122 itens. Conforme o Procon, em relação à pesquisa feita no dia 13 deste mês, foi constatado que os produtos de chocolate apresentaram alta de 1%. Os peixes apresentaram alta de 5 % e os enlatados subiram 3%.

Veja Mais
Com 15 notificações da lei da fila no ano, Procon diz que falta denúncia
Pesquisa do Procon vê gasolina 5% mais cara e litro custa até R$ 3,73

Entre os ovos de Páscoa, três marcas mantiveram o mesmo preço da pesquisa anterior (Pelicano, Cacau Show e Chocolates Brasil cacau), duas marcas tiveram aumento no preço dos produtos (Garoto 10% e Nestlé, 7,6%) e três marcas estão mais baratas (Lacta -10,0%, Arcor – 3,5% e Ferrero Rocher - 25%).

Muito comum entre os produtos da cesta básica, a variação de preço é menor nos chocolates. De acordo com o Procon, a pesquisa desta quarta-feira mostrou que a maior variação foi do Ovo Diamante Negro 487g, encontrado de R$ 33,90 a R$ 67,99 – diferença de 100,56%. Sete produtos de chocolate apresentaram mais de 50% de variação.

Entre os peixes, a maior diferença foi de 176,47% no filé de tilápia, vendido de R$ 11,90 a R$ 32,90. O quilo da sardinha fresca pode ser encontrado de R$ 3,99 a R$ 9,98, uma diferença de 150%. Já o bacalhau Saith foi encontrado de R$ 28,90 a R$ 59,90, diferença de 107,27%. Entre os enlatados, a maior diferença foi encontrada na azeitona verde 200g – 231,16% entre o menor preço (R$$ 1,99) e o produto mais caro (R$ 6,59).

Mais informações sobre a pesquisa podem ser obtidas no Procon de Dourados, na Rua Joaquim Teixeira Alves, 1.453, ou através do telefone (67) 3411-7754.

Entre os ovos de Páscoa, o aumento foi de 1%, mas variação de preço chega a 176% (Foto: Eliel Oliveira)Entre os ovos de Páscoa, o aumento foi de 1%, mas variação de preço chega a 176% (Foto: Eliel Oliveira)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions